quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

"Leave tomorrow, live tonight..."

Olá pessoal!

Novamente sumi. Mas é, agora estou de férias e livre para postar aqui e prometo deixar o blog o mais ajeitado possível, I swear.
A verdade é que, com a minha volta ao POP e à minha vida de escritora, eu mal consigo tempo para assistir Law & Order: Special Victims Unit (quem nunca assistiu, eu recomendo!), o qual já está na 11ª temporada e eu decidi começar pelo começo...
Mas cá estou para alertá-los de uma coisa. Quem aqui já recusou usar o cinto de segurança porque estava "perto de casa"? Eu já, admito. Embora não tenha sido o caso do que aconteceu noite passada, mais uma vez o cinto de segurança pôde salvar três vidas, uma delas era a do meu ídolo. Imaginem como teria sido se ele não estivesse usando-o? Tom disse no

twitter, pouco depois do acidente, que logo depois de o carro bater, sua porta fora aberta. Ou seja, sem cinto, ele teria sido jogado para fora do veículo e não teria escapado sem nenhum arranhão, como aconteceu.
Eu não consigo expressar o tamanho da minha felicidade por vê-lo bem, assim como seus pais que também estavam no carro. Poderia ter sido bem pior.
Há alguns meses atrás, algo parecido aconteceu com uma de minhas amigas, ela, o ir
mão e mais uns amigos estavam andando de carro pelo condomínio e todos estavam sem cinto. Resultado: embora o irmão dela estivesse dirigindo devagar, isso não o livrou de perder o controle do carro e bater em uma árvore. Todos sofreram ferimentos leves, como torcicolos, nariz quebrado e alguns cortes.
Apesar de, quando criança, eu ter lutado muito contra o cinto de segurança, hoje, quando entro no carro sou a primeira a colocá-lo, antes mesmo dele ser ligado. Isso me leva a dar bronca nos meus pais por esquecer de colocá-lo às vezes. Mas nada demais, eu sei o quanto isso é útil e pode salvar a minha vida.
Então fica a dica, cinto de segurança é pra ser usado sempre. É por isso que ele faz parte do carro! E não é à toa que ele é colocado ali. Tudo acontece por um motivo e se o Tom e a família dele passaram por isso, tem um motivo. Portanto eu só sou grata por eles estarem bem e vivos, acima de tudo.

Nos falamos antes do Natal!
xx
V


Nenhum comentário: