segunda-feira, 28 de março de 2011

#Resenha: Beijos de Vampiro - Ellen Schreiber (Book Challenge - Dia 5)

Boa noite!

Resolvi dar uma folga a vocês no domingo. Agora vou ter que preparar as resenhas para essa semana porque só tenho mais duas D: HAHA
Se bem que não tenho muitas provas, mas a semana que vem... meu Deus, pensando bem, vou preparar pra essa e pra outra semana também porque o negócio será agitado!
Ainda estou sentindo falta dos comentários, não se acanhem!!! Adorei saber que tenho 40 seguidores, mas também posso conseguir mais, não? *-*
Vamos a resenha né?


Beijos de Vampiro
Autora: Ellen Schreiber
Editora: iD
Número de páginas: 238
Sinopse: "Neste livro o leitor conhecerá Raven, uma garota gótica de 16 anos, sempre foi fascinada por vampiros. E quando uma nova família e seu gatíssimo filho dark se mudam para uma mansão abandonada no topo de uma colina, a garota acredita que um beijo do misterioso recém-chegado poderá transformá-la em uma criatura das trevas. Um romance tenebroso e divertido que conta a história de um casal alternativo em uma cidade onde a conformidade reina - mas que pode ter um fim surpreendente!"

Minha reação ao ler esse livro foi: Awn! Uma leitura super rápida e deliciosa, propícia para um dia em que você está entediado. Beijos de Vampiro é o início do que será uma maravilhosa série.
A começar, você não tem cem por cento de certeza que o filho da nova família é, de fato um vampiro, só que ele é um garoto gótico, que nunca sai à luz do dia e possui um mordomo pra lá de esquisito. E que, além de tudo isso, se mostra um fofo!
Raven gosta de fantasiar que a família que ali vive é de vampiros, mesmo porque a casa se diz mal assombrada pela antiga moradora, uma senhora que morreu sozinha. Tudo para sair do que ela chama de Tediolândia, a cidade pequena e sem graça aonde vive.
Ela conta com apenas uma melhor amiga que vive em uma fazenda e é a única pessoa em quem ela não bate. É, Raven se impõe diante das pessoas dessa maneira e, devo dizer, achei muito engraçado.
Tudo começa a mudar quando Raven e o garoto novo da mansão mal assombrada começam a se ver. Não é a coisa que seus pais esperam que ela faça, mas ela não se importa. Ela e o garoto gótico começam a se ver e, acredite, o mais longe que vão é uma mordidinha no pescoço enquanto assistem Drácula.
Mas o que esperar de um livro tão inocente? Não se engane, o que realmente chama atenção no livro é a dúvida se o garoto é ou não vampiro e a vontade de Raven em se tornar um ser das trevas. Há também várias passagens cheia de humor e romance e, embora o final seja inesperado e tenha me deixado pipocando de dúvidas, vale a pena embarcar nessa aventura que mudará os conceitos de Raven sobre Tediolândia... e sobre vampiros também.

Nota:
(mal posso esperar pela continuação!)

xx

3 comentários:

booksarediamonds disse...

Ahh comecei esse livro e pareii, mas acho que eh pke comprei em inglês e cansei de ler!! Acho que depois da sua resenha vou voltar a ler, pke deu vontade shsha :)

Naniedias disse...

Nossa... que resenha deliciosa *-* esse livro não estava na minha lista e não iria entrar tão cedo... acho que essa capa não havia me chamado a atenção (ou seria a sinopse?)...
De qualquer forma, amei sua resenha e fiquei com muita vontade de ler o livro =)

Veezinha disse...

A capa, realmente, não chama muita atencão mesmo, mas euu fiquei intrigada quando li a página sugerida pela editora no verso do livro. E eu adorei, foi uma leitura super leve e gostosa e fico feliz que você tenha se interessado a ler. Eu recomendo mesmo! *-* Os dois principais são muito fofos!

xx


Em segunda-feira, 17 de outubro de 2011, Disqus<
> escreveu: