segunda-feira, 6 de junho de 2011

#Resenha: Sou Toda Errada - Tammy Luciano

Boa tarde!

Frio de congelar, confere? Confere! Esse foi o principal motivo pelo qual estou aparecendo por aqui mais cedo. Sei que são só 16hrs, mas tudo o que mais quero no momento é me enfiar debaixo das cobertas e ler um bom livro, já que ficar digitando no computador só está congelando meus dedos. Nenhum cômodo da casa parece quente o suficiente! D:
Por isso, rapidamente vamos à resenha de hoje. Mas, antes, só mais uma coisa: faltam 6 seguidores para chegarmos aos 100. Se esforcem e me ajudem, assim que atingirmos a marca, muitas promoções vão rolar por aqui hein? Considerem como um incentivo!


Sou Toda Errada
Autora: Tammy Luciano
Editora: Imprimatur
Número de páginas: 133
Sinopse: "Jovem, linda e rica, Mila tem orgulho da sua vida fácil e faz questão de aproveitá-la ao máximo. Entre festas, namoros e voltas no shopping, seu estilo de vida é igual ao de qualquer patricinha da zona sul – até que conhece Neco, e com ele, o amor. Os dois vivem uma paixão conturbada, um namoro marcado por loucuras, brigas e ciúme doentio. Mas quando ela menos espera, sua alma gêmea diz adeus, dando fim à relação.
Pela primeira vez, Mila se vê sozinha, sufocada pelas memórias do namoro. Faculdade, amigos e cartões de crédito já não lhe trazem mais alegria, nem expulsam por um segundo o ex da sua mente. Agora, Mila é obrigada a encarar o vazio da própria existência fútil. Transtornada, ela se entrega num ritmo alucinante a festas, ao álcool e ao sexo inconsequente, tentando aliviar a dor. Obcecada pelo ex, se envolve numa espiral de confusões, mentiras e manipulações, tudo para obrigá-lo a voltar. Será que ela vai conseguir?"

(Página 62 de 133)
"Por enquanto estou embasbacada com a protagonista e a sua aparente psicose em relação ao namorado. Ainda estou esperando que faça alguma besteira maior do que as que já fez. Entretanto, existem pessoas assim, infelizmente. Será que um dia ela vai se tocar??"

O comentários que vocês veem acima é meu na minha estante do Skoob durante a leitura de Sou Toda Errada logo no comecinho. Já dá para notar, pela sinopse e pela observação que fiz de que não se trata de um livro sobre uma paixão louca no bom sentido. Tudo o que Tammy desenvolve em sua personagem é pura psicose, doença.
Confesso que fiquei um pouco assustada com a carga psicológica que esse livro possui. Tudo gira em torno do comportamento de Mila, que é muito sombrio. No começo, ficamos esperando o grande rompimento que será o estopim para o acesso de loucura da protagonista, mas antes que isso aconteça, já podemos perceber que essa obsessão não veio de repente como estava lá desde o início.
O que faz uma pessoa se sentir tão obcecada por outra? Era o que eu me perguntava. Quando ele finalmente termina com Mila, parece o efeito dominó mais sombrio que já li. A protagonista fica desenfreada de uma só vez e, a partir daí, é tudo sexo e bebida. Tudo para causar ciúme em seu ex, que não dá mais a mínima para ela; tudo para tentar se convencer de que ele ainda vai voltar, que ele ainda a ama.
E enquanto eu avançava no livro, apesar de achar um absurdo o comportamento de Mila, eu sentia pena. Sentia pena porque ela não é a única a se iludir de tal forma, não é a única a agir de modo impulsivo e descontrolado por um amor que nada mais é do que uma doença. E o que mais me chocou foi ver que, mesmo sendo de uma família rica, em nenhum momento alguém (fosse os pais ou outro parente) se apresentou como um bom observador e deu um passo a frente dando um basta naquela loucura. É como se ela passasse despercebida por eles, que o seu mundo, que girava pelo ex, passasse como uma obsessão adolescente. Caramba! Ela já é maior de idade! Esse tipo de comportamento não é normal, vamos combinar!
Embora essa estória seja bem forte e intensa, eu simplesmente adorei o modo como a Tammy trabalhou esse lado psicológico, foi tão profundo e detalhado que você realmente lê e se pergunta: Como é que pode? Ela fez um ótimo trabalho e conseguiu passar a imagem de obcecada da Mila nos mínimos detalhes. Sou Toda Errada é o tipo de livro que você termina de ler e fica longos minutos encarando o livro fechado ou, no meu caso, encarando o nada mesmo, tentando absorver como a estória termina.
Digamos que me surpreendi muito, pois não esperava toda essa profundidade. Pensava que a história seria mais como a de uma jovem que, indignada com o término do namoro, decide "viver la vida loca", mas é muito mais do que isso. Todo esse comportamento tem um motivo, embora eu pense que seja mais da pessoa do que influência de outras. A Mila até consegue seguir com a sua vida em certo ponto, mas o que o novo namorado dela tem de passar, meu Deus, que sina!
E, mesmo com tudo isso, todos os esforços desse pobre rapaz, ele não consegue colocá-la nos eixos. Não consegue fazer com que Mila perceba que acabou, que ela precisa seguir em frente. Sua obsessão chega a tal nível que, enrolada demais em suas saídas e transas descontroladas, algo horrível acontece e ela se vê no ápice de suas tentativas para voltar com o ex.
Uma coisa que me deixou muito pensativa depois que terminei o livro foi: e se tudo tivesse sido diferente? E se ela tivesse aceitado seu destino? Talvez conseguisse viver a vida de forma mais saudável, mas aí... aí não teríamos livro! ;)
Excelente trabalho da Tammy, está de parabéns! Me desculpem se não consegui convencê-los com a resenha, mas é que as emoções são tão fortes que fica muito difícil expressá-las sem que parte da história seja revelada. Uma leitura surpreendente que vale a pena conferir.

Nota:
(acho que o final poderia ser diferente, mas tudo bem, o livro ficou muito bom na forma como terminou.)

E antes e terminar o post, gostaria de anunciar mais um lançamento da Editora Universo dos Livros que, embora não tenha data prevista para estar nas livrarias, vale a pena conferir capa, sinopse e até mesmo o primeiro capítulo! Aqui está ele!


Título: Glimmerglass: O encontro de dois mundos
Série: Faeriewalker
Tradução: Cristina Calderini Tognelli
Autora: Jena Black
ISBN: 978-85-7930-238-1
Editora: Universo dos Livros
Formato: 15,7 x 23
Número de páginas: 296
Papel: Chamois 90g
Preço: R$ 39,90

Quando o mundo real e o de magia se cruzam...

Dana Hathaway ainda não sabe, mas vai acabar se metendo em apuros quando decide que é a hora de fugir de casa para encontrar seu misterioso pai na cidade de Avalon: o único lugar na Terra onde o mundo real e o mágico se cruzam. No entanto, assim que Dana põe os pés em Avalon, tudo começa a dar errado, pois ela não é uma adolescente comum – ela é uma faeriewalker, um indivíduo raro que pode viajar entre os dois mundos e a única pessoa que pode levar magia ao mundo humano e tecnologia a cidade de Faerie.
Não demora muito e Dana envolve-se no jogo implacável da política do mundo da magia. Alguém está tentando matá-la, e todos parecem querer alguma coisa dela, desde seus novos amigos e da família até Ethan, o lindo garoto com poderes fantásticos com quem Dana acha que nunca terá uma chance... Até ter uma.
Presa entre esses dois mundos, Dana não sabe bem onde se encaixa ou em quem pode confi ar, muito menos se sua vida um dia voltará a ser normal.

Jenna Black é formada em Antropologia e Língua Francesa pela Duke University. Escritora em tempo integral de romances paranormais e fantasia urbana, até o momento já são dez livros! Ela vive em Pittsboro, Carolina do Norte nos Estados Unidos. É membro do Heart of Carolina Romance Writers.

Leia o primeiro capítulo aqui.

Boa semana!

4 comentários:

Carolina disse...

Tenho muita curiosidade pra ler esse livro, já li algumas resenhas e todas me deixaram bastante interessadas.

E essa capa de Glimmerglass? Linda é pouco, né? :)

Beijos xx

Thais Priscilla disse...

quero mt ler o encontro de dois mundos e o livro da tammy tbm *-*

Larissa disse...

Quero muito ler o livro "Sou toda errada" ainda mais agora lendo a sua resenha.

Bjs...
http://assuntosobrelivros.blogspot.com/

Nana disse...

Queria ler o livro da Tammy :(
hahaha
Adorei sua resenha!

Gente essa capa de Glimmerglass é linda dmeais.!


bjs
Nana - Obsession Valley