segunda-feira, 26 de setembro de 2011

#Resenha: Midnighters: A Hora Secreta - Scott Westerfeld

Boa noite!

Eu disse no twitter que não apareceria por aqui hoje já que minhas provas acabam amanhã e mais tarde eu estaria mais sossegada do que agora. Mas, como não consegui sossegar, com peso na consciência, resolvi aparecer e falar sobre um livro maravilhoso que eu li semana retrasada.

Midnighters - A Hora Secreta
Autor: Scott Westerfeld
Editora: iD
Número de páginas: 350
Sinopse: "Em Bixby, Oklahoma, os dias têm 25 horas. Mas apenas para alguns. Todas as noites, durante uma hora, a cidade de Bixby fica entregue a criaturas das trevas que assombram o local. Apenas um pequeno grupo de adolescentes sabe da Hora Secreta - eles são os únicos que conseguem se mover durante esse tempo que começa à meia-noite. Eles se autodenominam 'Midnighters'."

Surpreendentemente (ou não), o primeiro contato que tive com a escrita de Scott não foi em Feios. Foi com o conto que ele escreveu para a coletânea Amores Infernais (resenha aqui) e eu  confesso que gostei bastante do que li. Por isso é que não poderia estar mais empolgada para conferir o primeiro livro da trilogia Midnighters que comprei de aniversário.
Muitos de nós gostaríamos que o dia tivesse mais do que 24 horas, não é? Pois em Bixby, Oklahoma, o dia realmente tem 25 horas, mas só para algumas pessoas. Os Midnighters. Para nós não passa de uma fração de segundo, logo após o relógio marcar meia noite, mas para eles tem a duração de uma hora inteira! Como eles conseguem isso? De acordo com Rex, nosso primeiro midnighter a ser apresentado, não se sabe ao certo. Deveriam ser crianças que nasceram à meia noite em ponto (droga, nasci às 11:17 da manhã #fail), mas há algumas variações.
Na verdade, muito se sabe sobre os midnighters ao mesmo tempo em que se sabe muito pouco. E é nesse mundo estranho que Jessica Day vai parar assim que se muda de Chicago para Bixby. Além da água da cidade ter um gosto estranho e o toque de recolher, Jess acha que será só mais um novo momento em sua vida. Isso até chegar à meia-noite. Seu dia na escola não havia sido dos melhores, havia aquela garota estranha, Dess, que dizia coisas sem sentido, mas que, ao mesmo tempo, parecia convicta do que falava. E o amigo dela, Rex, que usava óculos fundo de garrafa e não parara de olhá-la durante o almoço. Tinha outra menina junto com eles, ela usava fones de ouvido e parecia aquém de sua presença e do interesse de seus amigos. Também havia Jonathan, o garoto que parecia andar de olhos fechados e que não parava de comer.
Jessica se considera uma garota organizada e está sempre vários minutos adiantada. Mas o que acontecia com aquela cidade? Por que ela se sentia tão deslocada e, ao mesmo tempo, parecia o objeto de observação de todos? Ah, claro, a menina da cidade grande! Julgando ser tudo fruto de um dia estressante, Jess levanta-se da cama à meia-noite e repara que seu quarto, cheio de caixas de mudança, está banhado em uma luz azul. Não há sombras e ela consegue ver perfeitamente, exatamente como em um sonho, é o que ela pensa. O tempo parece ter parado, até a chuva lá fora "cristalizou" no ar, transformando-se em belíssimas contas transparentes que, ao seu toque, voltam a atingir o chão. Jessica está maravilhada, principalmente porque continua achando que é um sonho... até o dia seguinte.
Ao mesmo tempo, Rex, Dess e Melissa sabem exatamente quem Jessica é e, quanto antes eles a inteirarem do que acontece em Bixby, melhor. Ainda assim não é uma tarefa fácil e requer um pouco de tato. Mas quem disse que teria graça se fosse tudo com muito cuidado e calma? Os midnighters não tem tempo para isso! São milhares de anos de história, envolvendo midnighters, darklings e rastejantes. E o que são eles? Basicamente seus piores pesadelos. Seres que viveram recluso na hora secreta depois que o homem criou o fogo, algo que eles realmente temem.
Todo o universo criado por Scott é extremamente bem costurado e você vai descobrindo tudo ao longo do primeiro volume. A ação está presente principalmente porque Jessica é uma personagem muito importante. Logo que eu comecei a ler o livro, estava na dúvida sobre quem seria o protagonista, afinal, por ser narrado em terceira pessoa, Scott pode dar atenção a todos os personagens e desenvolvê-los tanto em paralelo como no grupo que eles formam.
Eu fiquei tão empolgada com a narrativa e o desenvolvimento dos fatos que praticamente devorei o livro! A escrita do Scott é deliciosa e te guia tão rapidamente que, quando você se dá conta, já terminou de ler! Jessica pode ter sido inserida no mundo dos midnighters rapidamente, mas nós também fomos e tudo o que ela sabe é o que nós sabemos; ele teve cuidado até nisso, para não revelar segredos demais ou detalhes demais. Conforme Rex e Dess explicavam tudo eu ia aprendendo e me fascinando com esse mundo.
Jess não é só mais uma midnighter, há algo nela que faz com que os darklings vão à loucura. Mas eles não sabem ao certo o que é que os deixa assim. Como eu disse antes é muito conhecimento ao mesmo tempo em que é pouco. Cada midnighter possui um dom, uma habilidade. Mas nem sempre ela é clara aos demais, exatamente como no caso de Jess.
Sua habilidade só é revelada mais no finalzinho do livro e, meu Deus, é incrível! Até lá, posso dizer que muita aventura, perigos e até um romance rola solto pelo primeiro livro da trilogia Midnighters. Se você é fã de Scott Westerfeld ou simplesmente está curioso para saber o que lhe reserva a cidadezinha de Bixby, embarque nesse livro delicioso! Você não conseguirá desgrudar dele até a última linha e, depois, ficará ainda mais enlouquecido pelo próximo livro "No Limiar da Escuridão". Eu mal posso esperar para pegar o próximo livro em mãos e lê-lo. Espero que seja ainda melhor do que o primeiro, Scott conseguiu me ganhar e olha que nem comecei pela sua série de maior sucesso!
Leiam sem medo, é uma história leve e divertida, sem falar muito instigante e apaixonante!

Nota:
(merecia um seis, hein?!)


[editado] P.S.: Esqueci de comentar, mas o blog fechou mais uma parceria hoje! E foi com a editora Fundamento! Estou muito feliz com a oportunidade e eles foram muito simpáticos comigo e mostraram que acreditam no potencial do Only The Strong Survive! Confira abaixo os últimos lançamentos da editora:


[/editado]

10 comentários:

Helena Silva disse...

Quero muito ler esse livro. Fui na bienal no estande da iD e um cara falou que tinha se apaixonado pelo livro. Parece ser muito bom ;)

Helena Silva disse...

http://historiasnaestante.wordpress.com/

Helena Silva disse...

Fui no estande da iD na bienal e um dos lojistas me disse que é muito bom. Quero ler em breve ;)

http://historiasnaestante.wordpress.com/

Thais Priscilla disse...

Só li resenhas positivas desse livro e, na verdade, eu sempre quis lê-lo. Espero ter chance para ler logo.

Beijocas,
Thais P.
http://thaypriscilla.blospot.com

Veezinha disse...

Pode apostar, é ótimo! ;) Não vai se arrepender!

xx

anah15 disse...

Ah quero muito ler esse livro, parece ser bem legal.
Amei seu blog, ja estou seguindo

http://secretsofbook.blogspot.com/

Veezinha disse...

Pode colocá-lo na frente da sua pilha (se você já o tiver), pois vale muito a pena! Ainda me pergunto porque demorei tanto para ler! hahaha

xx

Veezinha disse...

É uma ótima história, você vai adorar!

Obrigada querida, volte sempre! ;)

xx

Natália Alves disse...

Adorei a resenha, o livro parece ser ótimo ;D

Parabéns pela parceria! Que o blog consiga muitas outras parcerias, viu? ^^

Bj;*
Naty - Just Books !

Veezinha disse...

Ele é sim! Vale muito a pena conferir! O Scott sabe como tecer uma boa história!
Obrigada! ;) Tomara que eu consiga e o Just Books! também, né?! Nós merecemos! \o/

xx





2011/10/1 Disqus <>