sábado, 22 de outubro de 2011

Indo mais a fundo... #7

Fiquei um bom tempo pensando no que poderia falar aqui, hoje, sem que repetisse os outros assuntos dos posts anteriores até que, finalmente, cheguei a uma nova ideia: livros que viraram série!

O livro:


Diários do Vampiro

Em Fell Church, uma cidade pacata em West Virginia, a garota mais popular da escola Robert E. Lee apaixona-se por um vampiro com quatrocentos anos. Com a ajuda das amigas, Meredith e Bonnie, Elena fará tudo para seduzir Stefan. E Stefan fará tudo para proteger Elena… dele mesmo. O adolescente de olhos verdes, rosto clássico escondem um passado sombrio e uma sede que não consegue controlar. Com ele, arrasta a memória de um amor perdido e um irmão que apenas deseja vingança. Em Florença, no Renascimento, Stefan e Damon Salvatore lutaram pelo amor da mesma mulher. Séculos mais tarde, voltarão a fazê-lo. Diários do Vampiro – O Despertar é a introdução a um triângulo amoroso arrepiante: a história de dois irmãos vampiros que se odeiam e de uma garota que se vê dividida entre os dois.
Lançado em 1991, Diários do Vampiro deve ser o livro mais antigo sobre vampiros e dedicado ao público infanto-juvenil que eu devo ter lido. Claro que só cheguei a lê-lo no ano passado, um pouco tarde, e depois do lançamento da série, mas devo dizer que a história é muito bem escrita e mantém o suspense da primeira a última página. Claro que nem tudo é parecido com o seriado. Uma das características que mais difere é a cidade em que se passa a história: Fell's Church ao invés de Mystic Falls. Também temos personagens com funções diferentes como, por exemplo, Meredith que é uma das melhores amigas de Elena ao invés de Caroline, como é no seriado. E, ao invés de uma irmã pequena, Elena é presenteada com um irmão, Jeremy, formando o que eu chamo de modelo da família americana. Será que é muito difícil eles terem duas filhas ou dois filhos ao invés de um casal?
Outro ponto são as características físicas que são mais gritantes em Elena: ao invés de loira e maravilhosa, ela é apenas morena e a pobre menina que perdeu seus pais em um terrível acidente de carro. A Elena do livro tem atitude, se impõe diante dos demais colegas da escola, ela chega até a dar medo tamanha a sua presunção!
Eu poderia citar diversas características que diferem do livro para o seriado e, definitivamente, não chegaria a lugar algum. São duas peças diferentes, a série é inspirada nos livros, ou seja, definitivamente não segue a mesma linha de acontecimentos do livro. E eu só posso agradecer por isso! Os personagens tem personalidade diferente, como Damon, que tem tiradas sarcásticas e, muitas vezes, divertidas interpretado por Ian Somerhalder ao contrário do personagem que é muito sombrio e cruel, sem piedade mesmo.

O seriado:

The Vampire Diaries

The Vampire Diaries é uma série de televisão americana de terror, fantasia e romance desenvolvida por Kevin Williamson e baseada na série de livros de mesmo nome escrita por L. J. Smith. A série segue os eventos na cidade de Mystic Falls, Virginia. Uma pequena cidade fictícia assombrado por seres sobrenaturais. O foco principal da série é o triângulo amoroso entre a protagonista, Elena Gilbert (Nina Dobrev) e os irmãos, Stefan (Paul Wesley) e Damon Salvatore (Ian Somerhalder). Os dois tem um passado sombrio. Mais tarde, a luz é lançada sobre o misterioso passado da cidade, envolvendo a maléovola ancestral de Elena, Katherine, que busca vingança contra a cidade, os irmãos e sua descendente. Elena sempre foi uma ótima estudante, linda, popular e envolvida com a escola e seus amigos. Quando o semestre começa, Elena fica fascinada com o novo garoto da escola, Stefan Salvatore, e ela não sabe que ele é um vampiro de séculos. Enquanto Stefan luta para viver em paz com os humanos, seu irmão Damon é a personificação da violência e brutalidade.
Lançada em 2009, foi uma grande aposta da CW e da Warner Chanel. Eu não pude assistir à estreia, mas gravei os episódios e fui acompanhando posteriormente. Nem preciso dizer que foi paixão a primeira vista, né? O primeiro seriado de vampiros que eu assistia, com muito romance, suspense, caras bonitos (Hello, brother! *suspira*) e um enredo sobrenatural!
Ian Somerhalder e Paul Wesley fazem os papeis dos irmãos Salvatore, cada um de personalidade diferente, mas com a mesma essência: são vampiros. E ambos estarão atrás da mesma pessoa: Elena Gilbert. A solitária que acabou de perder os pais em um terrível acidente de carro e que precisa voltar à escola. Muita coisa mudou, ela terminou com seu namorado de infância, Matt e suas melhores amigas Bonnie e Caroline fazem de tudo para tentar trazê-la de volta ao mundo real. E é nessa atmosfera enlutada que ela conhece Stefan, o garoto novo.
Devo dizer que todo o clima de tensão só começa quando Damon aparece, o que já é no primeiro episódio para alegria das meninas! o/ E então, aos poucos, temos o desenrolar da história, como Elena lidará com todo o fato de Stefan ter mais de 100 anos e ter sido apaixonado por uma garota misteriosa e possessiva. O casal terá de lidar com o ciúme e a intromissão de Damon que prometerá tocar o terror na pequena cidadezinha de Mystic Falls. Mas não pense que essas pessoas são completas ignorantes. Na verdade, há muitos anos, seus antepassados lutaram contra criaturas parecidas e agora que as suspeitas estão voltando, sentem-se no dever de defender a cidade.
Em ambos livro e seriado ocorrem muitas mortes, você até chega a pensar que os personagens sumirão de tanta gente que parte, mas não se desespere. Ao mesmo tempo em que alguns somem, outros chegam e prometem balançar as estruturas. Não há um episódio da série que você termine sem querer mais. E isso se mantém durante a segunda temporada, com o aprofundamento da situação de Elena e Katherine e sua relação de descendência. Isso é algo com que não nos precisamos nos preocupar nos livros. Por quê? Só lendo para saber!

Em suma, tanto os livros quanto a série são altamente indicados, mas não vá achando que, se um te decepcionar, com o outro será a mesma coisa. Lembre-se que os enredos tomam rumos diferentes, então vale a pena dar uma chance a cada um! E depois me digam o que acharam! rs


2 comentários:

Julinha Cedro de Oliveira disse...

Eu amo a série, mas ainda não li os livros, todos dizem que a série é melhor, então eu fico meio com um passo para trás antes de comprar. Mas é verdade, as estórias é muito diferente pois para fazer a série sofreu muitas adaptações. Quero ler, haha. Beijos!

Aione Simões disse...

Oi Verônica!
Eu li apenas os dois primeiros livros da série e assisti aos 2 primeiros episódios da série, e nenhum dos dois me cativou muito.
Não gostei muito do livro, ele não me prendeu, não achei nada demais na história.
Quanto a série, acho que não assisti o suficiente pra saber se realmente gostei ou não!
De qualquer forma, pelo pouco que li e assisti, os dois são bem diferentes mesmo! Particularmente, não gosto quando fazem tantas modificações assim. Acho que pra gostar, se você gosta do livro, você tem que separar muito bem as duas coisas.
Beijão!