sábado, 5 de novembro de 2011

Indo mais a fundo... #9

Hoje, resolvi falar sobre um dos meus atores preferidos e que eu admiro muito: Jackie Chan. Creio que muitos devem conhecê-los, outros nem tanto, mas pretendo fazer um breve resumo de sua história e apresentar os principais filmes dos quais ele fez parte.

Jackie Chan - Victoria Peak, Hong Kong - 07/04/1954


Chan Kong-Sang, mais conhecido como Jackie Chan, nasceu em Victoria Peak, Hong Kong, em 7 de abril de 1954. É um ator, produtor, roteirista, coreógrafo, diretor de cinema e cantor chinês especialista em artes marciais. Um fato que ajuda a explicar o sucesso de Jackie Chan é o seu carisma com o público. Entretanto, o seu estilo original de fazer filmes é que foi realmente decisivo para a sua carreira. Jackie Chan utiliza os mais diversos objetos em suas cenas de luta, entre eles: cadeiras, mesas, lâmpadas, cordas, etc.
Outra característica marcante é que Jackie Chan dispensa o uso de dublês para as cenas perigosas (graças a isso já quebrou o nariz, o tornozelo e os dedos diversas vezes, sendo que uma vez ele quase morreu). Também é típico dos filmes de Jackie Chan a exibição dos erros de filmagem antes, durante ou depois dos créditos finais e a inclusão de cenas de humor em meio às lutas, ou em outras partes do filme, mesmo quando este não é de humor.

A Hora do Rush (1998)
Acho que uma das parcerias mais marcantes a meu ver: Jackie e Chris Tucker formam a dupla de detetives atrapalhados em A Hora do Rush. Nesse primeiro filme, a filha do embaixador chinês é sequestrada e, devido a sua íntima ligação, o inspetor Lee (Jackie Chan) é chamado para procurar a filha do amigo. Porém, o FBI está convicto de que não precisa de um detetive oriental atrapalhando sua investigação, portanto, envia James Carter (Tucker) para distrair o chinês o que não acaba acontecendo.
Enquanto eles correm atrás dos sequestradores, nasce ali uma amizade cheia de brigas e risadas que ficarão marcadas na carreira de Jackie Chan.

Bater ou Correr (2000)

Dessa vez, a parceria se dá com Owen Wilson em um filme de época. Novamente, Jackie sai em busca de alguém que foi raptado, no caso, a princesa Pei Pei. Saído da China em direção aos Estados Unidos, ele se perde de seus compatriotas e acaba encontrando Owen, um bandido que tem sonhos grandes e, juntos, viverão situações de comédia e muita ação até que encontrem a princesa perdida.

A Hora do Rush 2 (2001)

Um dos filmes mais engraçados de Jackie Chan! Dessa vez, Lee e Carter estão de férias, porém, uma explosão na embaixada norte-americana em Hong Kong destrói os sonhos de Carter em descansar e a dupla põe-se a correr atrás de Ricky Tan, um baixinho poderoso que foi responsável pela morte do pai de Lee. Brigas separam a dupla de detetives e dá um ar mais tenso ao filme, mas nada que as piadinhas e trapalhadas de Carter não ajudem!
Foi o primeiro filme que eu assisti da trilogia A Hora do Rush.

O Terno de Dois Bilhões de Dólares (2002)

Como um motorista de táxi passa rapidamente a espião? Esse é o enredo de O Terno de 2 Bilhões de Dólares onde Jimmy, um simpático motorista de táxi, conhecido por suas rápidas corridas, é contratado para ser o motorista particular de Clark Devlin, mas após um acidente e muita confusão, passa a tomar o lugar do chefe e, junto com uma cientista mal humorada, Del Blaine, correm atrás de um poderoso dono de fonte de água mineral que estará disposto a contaminar sua produção com uma poderosa bactéria, a fim de ter maior lucro nas vendas.
Além disso, uma das mais importantes armas é um terno caríssimo, capaz de ajustar seu usuário às ações mais inesperadas, desde lutas a danças. Como em todo filme de Jackie Chan, muita luta, perseguição e investigação o aguardam nesse filme sem, é claro, perder o senso de humor.

O Medalhão (2003)

Com um enredo ligado a uma antiga profecia, O Medalhão surpreende pelo seu tom sobrenatural. Uma criança foi escolhida para guardar o segredo e unir as duas metades do medalhão que lhe dará diversos poderes. No entanto, esse medalhão é cobiçado e, para proteger o menino, o detetive Eddie Yang (Chan) é chamado pela Interpol para impedir que Snakehead o sequestre e detenha esses poderes.
Durante a viagem para a Irlanda para proteção do garoto, ele se encontra com um velho amigo, Watson, que mantém ressentimentos sobre sua última missão. Ele mantém a vida de investigador escondida da esposa e, esse clima de tensão fará com que muitas risadas surjam sem dificuldade.
Jackie Chan não deixa a desejar nesse filme e posso até dizer que trata-se de uma trama diferente, com cenas de lutas entre oponentes de poderes sobrenaturais e a consequente ressuscitação através do medalhão. Bem interessante mesmo!

A Hora do Rush 3 (2007)

Sem dúvida, um dos filmes mais engraçados de toda a trilogia. Dessa vez, a dupla de detetives viaja para a França para lutar contra a Tríade, facção chinesa que ameaça mais uma vez o embaixador amigo de Lee. Em território desconhecido, Lee e Carter se metem em muitas confusões, o que inclui um taxista viciado na cultura norte-americana e aspirante a detetive, uma incrível jovem estrela de um show que guarda um segredo cobiçado pela tríade e, é claro, um montão de chineses dispostos a lutar contra Lee e o atrapalhado Carter. Eu recomendo muito esse filme, a dose de risadas é ainda maior e, segundo o que eu li, parece que há um quarto filme vindo por aí! Vamos esperar que a qualidade não caia e que Lee e Carter continuem nos fazendo rir!

Missão Quase Impossível (2010)

Definitivamente, não é um dos melhores filmes de Jackie Chan. Ele tenta misturar a vida de espião aposentado com o relacionamento com uma mulher reparada e seus três pestinhas filhos. Tentando escapar de uma facção russa (muito burra, devo ressaltar), Jackie precisa manter as crianças a salvo enquanto mantém o segredo de ser um espião. Na verdade, acho que esse filme entraria muito bem na categoria "pastelão" porque você não fica interessado pelo filme, nem pelas cenas de luta. Então, eu com certeza não indicaria.

Karate Kid (2010)
"Dre Parker (Jaden Smith) é um garoto de 12 anos que poderia ser o mais popular da cidade de Detroit, Estados Unidos, mas a carreira de sua mãe acaba os levando para a cidade de Pequim, na China.
No novo país, Dre se apaixona pela sua colega de classe Mei Yin, mas as diferenças culturais tornam essa amizade impossível. Pior ainda, os sentimentos de Dre fazem com que o aluno mais brigão da sala e prodígio do Kung Fu, Cheng, torne-se seu inimigo. Sem amigos na nova cidade, Dre não tem a quem recorrer exceto ao zelador do seu prédio Mr. Han (Jackie Chan), que é secretamente um mestre do Kung Fu.
À medida que Han ensina Dre que o Kung Fu é muito mais que socos e habilidade, mas sim maturidade e calma, Dre percebe que encarar os brigões da turma será a aventura de uma vida."
Creio que este seja um dos poucos filmes de Jackie Chan que ainda não tenha assistido. Portanto, fica aí a sinopse e, se alguém já tiver visto, diga o que achou e recomende (ou não)!

Espero que tenham gostado do post! Infelizmente tive que tirar alguns filmes da lista, do contrário ele ficaria muito extenso, mas outros filmes pelos quais Jackie Chan é famoso são: Bater ou Correr em Londres, Volta ao Mundo em 80 Dias, Três Ladrões e Um Bebê e a série animada: As Aventuras de Jackie Chan.

3 comentários:

acarola disse...

Acho o Jackie Chan um ótimo ator! (:
Mas tem alguns filmes dele que eu não gosto...
Ainda não vi Karate Kid... Espero ver logo.
Beijo

Mariana Ribeiro Barbosa disse...

Olá, Vê!!
De todos os filmes do Jackie o que mais gosto passava no SBT chamado Um Quickboxer muito louco, já assistiu?
Também adoro os filme de A hora do rush com Chris Tucker e sempre rende boas risadas essa dupla inusitada! *_*
Bom findi.
Bjs.

Mariana Ribeiro
Confissões Literárias.

dpaulaingrid disse...

Jackie Chan é fantastico! Quem dera eu saber pelo menos lutar karate hahaha