quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

#Indicação - Filme: Bolt - Supercão

Bolt: Supercão (Bolt) - 2008
Para Bolt, todos os dias são cheios de aventuras, perigos e intrigas - ao menos até que as câmeras parem de gravar. Quando este astro de um popular seriado de TV é enviado, involuntariamente, dos estúdios de televisão em Hollywood para a cidade de Nova York, ele embarca na maior aventura de sua vida: uma jornada pelo mundo real para resgatar sua dona e coadjuvante no seriado.
Não posso dizer que Bolt seja um dos meus filmes preferidos no que diz respeito a animação. Digamos que ele é divertido, boa escolha para assistir em um domingo à tarde ou quando você estiver com saudades do seus tempos de criança, tem uma história diferente e personagens peculiares.

Bolt foi comprado ainda filhote por Penny e, desde então, tem sido a estrela de um seriado de TV onde ele tecnicamente teria sido modificado para proteger a garota não importa a situação. Mesmo com os efeitos especiais da equipe de TV, logo percebemos que a essência do show é fazer o cãozinho acreditar que tudo é real. Por isso, quando ele se dá conta de que Penny foi "sequestrada", não mede esforços para escapar de seu trailer e sair atrás dela.
Só que um cãozinho, em plena Nova York, tão longe de casa... e sem os "super-poderes"? Será que ele vai conseguir? Então ele conhece Mittens, uma gata preta de rua que Bolt jura trabalhar para o vilão e juntos, seguirão através do país até chegar em Hollywood, que é o lar de Bolt. Ao mesmo tempo, Mittens tentará convencê-lo de que seus poderes são uma farsa, mas quando eles dão de cara com Rhino, um hamster que vive dentro de sua bola de exercícios e se mostra fã número um de Bolt, as coisas se complicam um pouco.
Nesse clima de aventura, os três atravessam os Estados Unidos, provando que não bastam super-poderes para superar as dificuldades, mas bons amigos e força de vontade! Eu já assisti Bolt inúmeras vezes e, com certeza, a história fica melhor depois que Rhino aparece. Temos sempre algum ídolo, um cantor, um ator, um autor e é muito engraçado ver como o hamster adora o cachorro e seu papel no show, que ele também prefere acreditar ser verdade.
Também podemos perceber como funciona o show business, é tudo na base da audiência e os produtores do seriado que Bolt estrela precisam correr para conseguir atingir um maior público ou, então, estarão cortados. Após o desaparecimento do cachorro, embora Penny tenha um grande apreço por ele, seu agente não perde tempo ao encontrar um substituto, já que eles precisam continuar filmando. Então, além de focar muito bem na parte da trupe que está viajando, o filme não deixa de mostrar como está a dona que sempre gostou de Bolt, desde que ele era pequeno.
Repleto de momentos engraçados, Bolt é uma animação que passa os valores de uma verdadeira amizade e principalmente que não é necessário ser um super herói, ter poderes especiais, para conseguir o que se está buscando.

Nota:

3 comentários:

meublog11 disse...

Boa a dica, gosto de me distrair com filmes assim de vez em quando. Não conhecia esse, vlw pela dica! =D

http://entrepaginasdelivros.blogspot.com/

vanessa vieira disse...

Parabéns pela dica Vê! Já assisti Bolt O Supercão e curti bastante. Beijos!

dpaulaingrid disse...

O filme é mesmo uma graça, mas não é o melhor da Disney. Quem dubla as vozes é Miley Cyrus - penny. E John Travolta - Bolt.
Acho que, um filme que indicaria seria Carros ou A bela e a fera =)