quinta-feira, 1 de março de 2012

#Indicação - Filme: Uma Linda Mulher

Uma Linda Mulher (Pretty Woman) - 1990

O filme conta a história de uma atraente prostituta que conhece por acaso um homem milionário, que a contrata por uma semana e que acaba apaixonando-se por ela. No período em que a garota é contratada pelo milionário, ela se transforma em uma mulher elegante, para acompanhá-lo em compromissos sociais. No entanto, os dois começam a se envolver mais profundamente, nascendo uma grande e divertida amizade, além de um carinho imenso, e assim, a relação cliente/garota de programa modifica-se para um relacionamento envolvendo sentimento entre homem e mulher e os dois acabam se apaixonando verdadeiramente e terão que enfrentar tudo e todos para poderem vivem esse grande amor, que é cercado de muitos preconceitos da sociedade, pelo fato dela ser uma simples prostituta do subúrbio e ele, um homem conceituado perante as pessoas.

Uma Linda Mulher é um daqueles clássicos que, se você ainda não assistiu, deveria! O filme cruzou meu caminho em 2006, quando ainda fazia aulas de ballet e a minha coreografia seria sobre ele, onde metade das garotas vestiriam a roupa que ela usa no começo (saia azul e blusa branca) e a outra metade dançaria com o vestido vermelho que ela usa para ir à ópera. Adivinhem em qual dos dois grupos eu estava?
Então, para conhecer melhor a história que interpretaríamos, afinal, eu não fazia ideia de como era o filme, pedi ao meu pai que comprasse o DVD. E ele se tornou um dos meus favoritos. Uma história sobre mudança, os contrastes sociais e um amor improvável; parece a fórmula perfeita para um filme inesquecível.
Julia interpreta de maneira divertida e única a prostituta Vivian que, em busca do dinheiro para pagar o aluguel do apartamento pequeno em Beverly Hills, aceita dar informações a um homem rico que está bem perdido pelas ruas em seu carro de luxo, que ele sequer sabe dirigir. Richard, por outro lado, interpreta o reservado e atrapalhado Edward, cuja empresa compra outras empresas que estão em situação financeira difícil e as desmembra para revender os pedaços e faturar. Junto dele está seu irritante e possessivo advogado Philip que, a princípio, não sabe do acordo entre Edward e Vivian.
Ao longo da semana, Edward se dispõe a pagar Vivian para que seja sua acompanhante, afinal, ele está longe de sua cidade (Nova Yok) e tem problemas por toda parte, por isso, parece uma boa oportunidade que ele passe todo esse tempo sem realmente ter com o que se preocupar. Mas é claro que torna-se impossível conviver com uma mulher sem realmente conhecê-la melhor e permitir que ela o conheça melhor. Aos poucos, Edward tenta modificar a Vivian que trabalhava como prostituta em uma linda mulher, dando-lhe dinheiro para comprar roupas novas, modifica seus hábitos e comportamento, convida-a para seu mundo, totalmente diferente do que ela estava acostumada e isso, é claro, gera conflitos.
Ainda assim, é um filme lindo! As atuações de Julia e Richard são impecáveis e, ao longo da história, podemos perceber a química entre eles ir acontecendo, definitivamente espetacular! Indico a todos, principalmente àquelas (e àqueles, vai saber!) que adoram um filme de romance e para os fãs, é claro, de Julia Roberts e Richard Gere; precisa estar na filmografia!

Nota:

11 comentários:

vanessavieira disse...

Parabéns pela dica Vê! Já assisti Uma Linda Mulher e amei! Beijos!

RUDYNALVA SOARES disse...

Veronica!
Para mim esse é o melhor filme entre todos, não me canso de assisti-lo...

Passando para desejar um bom início de mês!!
Cheirinhos
Rudy
http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com/

Diego Rangel disse...

Este filme na época abordou um tema polêmico que é o relacionamento com uma prostituta. Anté hoje esta profissão é vista com bastante preconceito pela sociedade mas o filme levantou a bandeira de que sim é possível amar uma prostituta, afinal ela é um ser humano como todos nós e pode muito bem despertar um interesse amoroso sem apelar somente pro lado sexual da relação. Abrc!

Veezinha disse...

O filme com certeza continua com certa polêmica; eu, por exemplo, quando assisti pela primeira vez fiquei meio sem jeito até. Mas acabou virando um dos meus favoritos e com uma enorme lição de amor, capaz de superar os preconceitos. Com certeza, um filme que deveria estar na lista de todos!
xx




Em 1 de abril de 2012 17:00, Disqus
<>escreveu:

Ricardo Biazotto disse...

Olá Vê :)
Julia Roberts já seria um motivo a mais pra assistir ao filme né?
O tema é bem interessante, apesar de não ser um gênero que eu dou prioridade na hora de escolher um filme.
Apesar de tudo, parece ser uma ótima indicação.

Beijos
Ricardo - www.overshock.blogspot.com

Mayara Fernandes disse...

heitaaa ja faz 22 anos que o filme foi lançado!! mesmo assim eu gostaria de assisitr, é bom ver filmes, principalmente os antigos, nao sao tao bobos quanto alguns dosd que sairam hoje...

Veezinha disse...

Concordo com você, Mayara!! Às vezes, os antigos são incríveis e a gente nem sabe! rsrs

xx




Em 5 de abril de 2012 09:37, Disqus
<>escreveu:

Mayara Fernandes disse...

outra coisa que adoro, é quando pegam um filme antigo ou no caso a musica e fazem algo moderno, nao besteira claro, mas algo educativo, criativo e que atraia mais pessoas para conhecer aquilo que passou, principalmente filmes e livros

Veezinha disse...

Concordo! É um jeito inteligente de atrair! :D

xx



Em 5 de abril de 2012 09:50, Disqus
<>escreveu:

Mariih Goomes disse...

Acredita que eu nunca vi esse filme? Já vi muuuuuuita gente falando que é bom, mas ainda não tive a oportunidade. E, bem, pela sua empolgação, ele deve ser mesmo.
AUHSUAHSUAHSUA'
Quando der, vou assistir *-*
Mariiih
http://mundo-da-noite.blogspot.com.br/

Veezinha disse...

Assiiiiiiista Mah! Você vai adorar! É um clássico e todo mundo deveria assistir ;D

xx




2012/4/5 Disqus <>