quarta-feira, 18 de julho de 2012

#Resenha: Peças Fragilizadas - Vera Carvalho Assumpção

Para comemorar a 100ª resenha do blog, no final do post, tem sorteio! ;)

Peças Fragilizadas
Autora: Vera Carvalho Assumpção
Editora: KBR
Número de páginas: 192
Sinopse: "O detetive paulista Alyrio Cobra é contratado por Joca, assassino e sequestrador envolvido com a máfia dos transportes na cidade de São Paulo, um arquivo vivo que precisa ser apagado. Alyrio inicia a busca de um misterioso dossiê que, segundo Joca, poderá lhe salvar a vida."


Este e-book foi cortesia da autora Vera Carvalho Assumpção.

Já tem algum tempo que provei que e-books não são minha área. Mas, quando a Vera me ofereceu tão gentilmente uma cópia de sua mais nova obra, Peças Fragilizadas, eu não poderia deixar de conferir. Então, demorei um pouco para ler (Deus sabe o quanto meus olhos ficam exaustos rs), mas terminei mais uma leitura espetacular!
Uma história de suspense, corrida contra o tempo para um assassino confesso salvar a própria pele. Só que, para isso, ele precisará de ajuda para reunir provas suficientes sobre o que tem acontecido e sido acobertado.
Alyrio Cobra é um detetive que aceita o trabalho de sair em busca das tais provas. A partir desse momento, uma enorme descarga de adrenalina toma conta do leitor enquanto acompanhamos os passos do detetive e, conforme ele começa a cavar, pior a coisa fica. E o assunto já não é nenhuma novidade: esquemas corruptos, propina, grandes empresários e políticos que, vendo-se ameaçados, passam a deixar um rastro de queima de arquivo, colocando os envolvidos na tramoia com receio de serem o próximo da lista a ter a execução confirmada.
Enquanto estamos lendo Peças Fragilizadas, ficamos tensos, pensando aonde tudo aquilo vai dar e, é claro, não muito surpresos que tal situação esteja acontecendo. Mas, conforme acompanhamos a corrida de Alyrio em manter-se a salvo e, ao mesmo tempo, salvar aqueles que o cercam, descobrimos que, tudo o que parece não deve ser nem a ponta do iceberg, um iceberg de corrupção que, querendo ou não, já está presente em nossa sociedade.
Na verdade, a crítica da história reside exatamente aí e foi isso o que mais me chamou a atenção, me deixou realmente interessada nessa corrida. Não só percebemos que aqueles que querem fazer o certo acabam alvo dos grandes tubarões por trás dessas falcatruas, como também chegamos à triste conclusão de que são poucos os que ainda tem a coragem necessária para enfrentar e anunciar o que realmente acontece por debaixo dos panos. Nos sentimos impotentes durante a leitura, como tenho certeza de que muita gente na realidade deve se sentir ao deparar com mais uma CPI que não levou a nada, mais um escândalo que foi esquecido...ou pago para ser esquecido.
Enquanto fui torcendo para que Alyrio sobrevivesse para colocar um fim nisso tudo, também tive espaço para discordar de algumas de suas ações, o que me deixou realmente irritada com o personagem. Claro, em meio à tensão, ainda encontrei espaço para me indignar com os rumos da história. E, acreditem, no começo, eu não via sentido para a capa do e-book, mas, depois de terminar, não poderia ter sido melhor escolhida!
A experiência foi grandiosa e não poderia estar mais feliz de ter conseguido finalizar a leitura, mesmo que tenha demorado um pouco. Embora possua alguns erros e trechos duplicados (talvez na hora de adequar o arquivo ao formato de e-book, no entanto, não tenho certeza), a leitura está mais que indicada e vai com um aviso: prepare-se. Ao se aproximar dos últimos capítulos seu coração vai se acelerar.
Ainda preciso dizer: fiquei revoltada SIM com o final. Ao mesmo tempo em que vi aquilo como inevitável, preferi ignorar a possibilidade e acreditar em um final como eu gostaria. Mais um ponto para a autora que, também nesse aspecto, me deixou de coração acelerado.

Nota:
A meia estrela faltante foi pela revolta. rsrs
E, para comemorar as 100 resenhas já publicadas no blog, quando esta atingir 10 comentários, sortearei entre vocês um kit com 35 marcadores sortidos.
Mas lembrem-se: não vale comentar mais de uma vez e deixem e-mail para que eu possa entrar em contato posteriormente, caso seja o vencedor.
Para deixar a contagem limpa, responderei aos comentários apenas após o número de sorteio ter sido atingido, ok? Por isso, divulguem bastante o post e aguardem pelo momento certo de comentar.

Boa sorte! ;)


14 comentários:

Rodrigo Caldas disse...

É eu também não gosto de e-books, o engraçado é que eu já li muitos deles vários anos atras, acho que enjoei, hoje em dia eu prefiro comprar o livro e guarda-lo na estante do que te-lo apenas no computador. Olha se eu não tivesse lido sua resenha eu nunca teria descoberto sobre o que era esse livro, a capa e o nome enganam bastante, ele parece ser bem legal, gosto de suspenses policiais.
Abraços.
Meu e-mail: rockfeller_13@hotmail.com
http://viciadoemlivrosefilmes.blogspot.com/

Amanda Gabrielle disse...

Eu quero esses marcadores pra minha coleção. haha u.u Eu também não gosto de e-books, prefiro ficar olhando meus livros na prateleira kkk Só li 2 e-books até hoje, mas não me arrependi. xD

Thiago Ururahy disse...

A sempre fluida e angustiante narrativa da Vera Carvalho. Parabéns pela resenha!

Flavio Oliveira disse...

Não tenho problemas ao ler e-books, mas tenho com finais previsíveis... Como disse Linguini: Nada é tão previsível quanto a imprevisibilidade da vida.. (risos). Entretanto, algumas vezes o escritor não pode fugir do esperado, nesse caso, eu prefiro um final que pareça não ser final. Ainda assim parece um livro que eu leria com prazer, inda mais depois do comentário abaixo sobre a narrativa da autora.

Email: flavos arroba terra ponto com ponto br, que, aliás, vc já tem... rs

natisander disse...

Nossa, o livro parece ser ótimo, principalmente pelo assunto escandaloso (corrupção) e real, tão presente em nossa sociedade. Sorte minha que não tenho problema em ler e-books rsrs
Email: natisander@hotmail.com

fellipe disse...

Que bom que a 100° resenha do blog seja de um livro que você gostou tanto! Ele parece ter uma história interessante, mas não me atrai muito não!
fellipe.frr@gmail.com

Ismael Santana Bastos disse...

Vera parabéns pelo livro e pela marca atingida, boa noite!




ismaelsbastos@hotmail.com

Virginia de Oliveira disse...

Também não gosto de ler livro em e-book, para se livro só físico mesmo. Gostei da resenha o livro parece ser bem interessante, fiquei bastante curiosa em conhecer a história.
virginiadeob@gmail.com

jessica rochafonseca disse...

caramba é muito quando lemos um livro que mexe tanto conosco.Eu simplesmente adoro!!E aaaah,marcadores uhullll!!!rsrsr(liga não sou meio louquinha)
jessicarochaf22@gmail.com

Rafaela Kulmann disse...

Também não gosto de e-books. Ganhei um tablet e fiquei super animada porque ia poder ler e-books, baixei um e não consegui ler nem 10 páginas. Gostei do livro Peças Fragilizadas, parece ser bem interessante :)

Andreana Marques disse...

Eu costumava gostar muito de e-books, porém, minha visão não anda permitindo eu aderir a este tipo de leitura, pois é. A premissa do livro parece ser bem envolvente, o que chama atenção, e sim, a princípio eu estava julgando a capa do e-book, achei estranha e sem sentido, mas como você disse que após terminar a leitura, não poderia ter tido outra melhor, vamos deixar em off, rs! A sinopse chama atenção e o título do livro é bem intrigante.

Aline Ramos Costa disse...

uauuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu...com tantos acontecimentos nesse lviro, me snti acompanhando um filme de ação e suspense... De cara não gostei da capa, mas depois que vc falou do porque dela, passei a aceitá-la..srsr..AMo livros d misterios, se eu pudesse leria um por dia..e esse parece ser recheado deles, fiquei curiosa sobre o final.. Por isso, quero lê-lo o mais rápido possível.. bjs e parabéns pela resenha.

Jaqueline Felix disse...

Sério que esse livro que parece ser super bom é de uma autora brasileira?
Gosto muito de histórias de suspense e de detetive (sherlockiana na área) e essa tem uma boa carga de adrenalina e de realidade (dois pontos).
Ainda bem que você comentou sobre a capa: poxa, um bom enredo policial merece uma capa que nos deixe curiosos e essa provoca o efeito contrário. Mas, pelo que foi dito na resenha, tem uma explicação plausível...

JessicaLisboa disse...

Gosto desses livro de misterios e algo que eu fico amando ate a ultima pagina! Porem não sou muito apta a ler e-book.