terça-feira, 9 de outubro de 2012

#Indicação - Filme: Hércules

Oi pessoal!

Em comemoração ao Dia das Crianças, a indicação de hoje é de uma das minhas animações favoritas da Disney!

Hércules - 1997

Olimpo, Grécia. Na morada dos deuses só existe alegria com o nascimento de Hércules (Tate Donovan), o filho de Zeus (Rip Torn) e Hera (Samantha Eggar). Mas o deus do mundo subterrâneo, Hades (James Woods), não compartilha desta felicidade, pois conspira para tomar o lugar de Zeus, o que só poderá ser feito quando os planetas estiverem alinhados (isto demorará 18 anos) e, como foi predito, se não houver intervenção de Hércules, que na época será um jovem. Assim Hades ordena para duas entidades que dêem para Hércules uma poção que o transformará num mortal. Ela precisava ser toda ingerida e, por Hércules não ter bebido uma gota, ainda fica nele uma centelha divina, que lhe dá uma enorme força. Porém ele não é mais um deus e assim não pode viver no Olimpo. Hércules passa a ter como pais adotivos Alcmena (Barbara Barrie) e Anfitrião (Hal Holbrook). Hércules sente-se diferente dos demais jovens e então fica sabendo através de seus pais adotivos que sua origem é divina. Ele decide então voltar ao Monte Olimpo, mas para isto precisa antes se tornar um verdadeiro herói.


Hércules é uma das muitas animações da Disney que simplesmente fica na sua memória, mesmo depois de anos sem assistir. As músicas não saem da cabeça e, de vez em quando, eu ainda me pego cantarolando ou citando alguma fala de um dos personagens.
A história não só é sobre um famoso personagem da mitologia grega (quem nunca ouviu falar sobre os 12 trabalhos de Hércules?) como também é descrita de forma divertida, capaz de encantar a todas as idades. Hércules é o filho de Zeus e Hera, cujo nascimento inspira grande festa no Olimpo. Mas, como sempre tem alguém que nunca está feliz, Hades chega para a festa com seu costumeiro humor nefasto e rapidamente deixa todos inquietos, afinal, por que ele se importaria?
Nada satisfeito, bola um plano que delega a seus dois servos de eliminar Hércules para que, em 18 anos, ele possa tomar o lugar de Zeus sem a interferência do menino. Quando a missão dá errado e Hércules é simplesmente deixado vivo, mas como mortal, ele é criado por um casal de camponeses. Seu lado deus, no entanto, esteve sempre presente e, conforme ele ia crescendo, tentava lidar com a inabilidade de controlar a sua força, sendo visto pelos outros como um esquisito.
Hades, frustrado que Hércules vivera, teria de pensar em outra possibilidade para que o garoto não o impedisse de tomar seu lugar no Olimpo e será capaz de qualquer coisa para distraí-lo de sua missão: voltar para o lado de seus pais, como um deus. Nem preciso dizer que, por ser o vilão, Hades tem as suas trapalhadas, assim como suas entidades metamórficas, que rendem boas risadas.
Hércules também, por si só, é o desastre em pessoa, principalmente antes de se descobrir filho de Zeus e iniciar sua jornada para se fortalecer. Pegasus, o fiel companheiro de Hércules, presente de seu pai assim que ele nasceu, é um show à parte. Procurando defendê-lo, seja de Hades, do Phill ou até da Megan, ele consegue ser quase tão atrapalhado quanto seu dono.
Eu adoro Hércules não só por ser uma animação muito fofa que mistura amizade, família e amor, como também pelas músicas que são um ótimo detalhe que ajuda a prender a atenção na história. O divertimento é garantido, com muitas risadas e mais essa aula de mitologia que não tem idade para ser curtida.

Nota:


6 comentários:

AmandaG. disse...

Noossa! Você desenterrou esse filme. Eu era bem nova quando assisti. Eu amava Hércules ^_^ Também recomendo.

Thais Vianna disse...

Esse filme é tudo de bom. Eu adorooo!!! Morria de rir com as atrapalhações do Hércules.


Thais Vianna
@dathais

Fernanda Rodrigues Mendonça disse...

Um filme que com certeza marcou a minha infancia (nao mais que A Dama e o Vagabundo, ou A Turma da Mônica, mas mesmo assim!)!

Fazia minha mae alugar a fita cassete(!!) várias vezes por mês e morria de assistir. Até sabia as falas! AHUSaiuhsiuaHS


=*

Rodrigo Caldas disse...

Ah eu adoro esse filme, ele faz parte daquela época de ouro da Disney, quando ela só fazia filmes bons e ainda não tinha aderido à toda essa tecnologia que existem nas animações de hoje, esse filme era um dos meus preferidos quando eu era criança.
Abraços.
http://viciadoemlivrosefilmes.blogspot.com/

Allana Odorizzi disse...

Adoro Hércules!!! Mitologia é vida né? Não sei muito sobre, até porque é uma área beeem vasta, mas é muito legal e sempre que encontro algo sobre, me interesso na hora... Esse filme é bárbaro, divertidíssimo *-*

Gabriela Brito disse...

Ah, adoro a mitologia desde que li a saga do Percy Jackson!
Não dá pra dizer que o filme marcou minha infância, porque nunca o assisti (na verdade, quando ele foi lançado eu ainda nem existia!). Mas ele parece pertencer á aquele grupo de filmes simples que conquistam pelo enredo! Adoro filmes assim.
Parece-me um filme divertidíssimo, perfeito pra assistir num dia de bobeira.