quarta-feira, 14 de novembro de 2012

#Indicação - Série: Revenge

Revenge - Exibida nos EUA pela ABC e no Brasil pela Sony.
Número de Temporadas: 2 (2ª em andamento)

Sobre o que fala?

Emily Thorne, cujo verdadeiro nome é Amanda Clarke, volta aos Hamptons para se vingar das pessoas que destruíram sua família e causaram a morte de seu pai. Quando Amanda era criança seu pai foi preso acusado injustamente de terrorismo, sendo julgado e condenado a prisão, onde acabou morrendo. Amanda sente que teve a vida destruída por essas pessoas que armaram contra seu pai, fazendo com que ela passasse sua infância na detenção juvenil. Quando completou 18 anos, ela foi solta e recebeu a herança de seu pai, além de uma caixa contendo detalhes sobre as pessoas que arruinaram a vida deles, assim ela muda seu nome e resolve se vingar de cada um deles.


Minhas convicções:

Revenge é uma daquelas séries que você fica animado logo no começo, querendo cabeças em bandejas de prata e imediatamente já adere à causa de Emily. No meu caso, eu assisti ao primeiro episódio e parei. Talvez por pura preguiça. Mas quando vi que o canal Sony iria transmitir a primeira temporada completa, em HD e dublado (aí entra a companhia da minha mãe), não podia recusar. Eu havia parado no primeiro capítulo e realmente queria saber como tudo se desenrolaria.
Se você está procurando uma série leve e descontraída, desista. Revenge é tudo o que você não espera: é a mais pura vingança, dissipada por todos os meios possíveis, atropelando quem quer que esteja no caminho. Se Emily deseja uma coisa é vingar a morte de seu pai. E eu dou toda razão a ela.
Mas não espere uma vingança desimpedida, em que todo episódio uma pessoa cai. Pode até ser assim no começo, mas em alguns momentos as coisas fogem ao controle de Emily. Afinal, até para uma série é preciso mostrar que não só a vingança não é a melhor opção como nem tudo dá sempre certo. E você fica nervoso, torce para tudo dar certo, xinga e ri, esfrega o rosto em desespero. Eu diria que Revenge é cheia de fortes emoções.
Às vezes, no começo de um episódio, temos algumas imagens em que podemos presumir o que acontecerá, mas pode ser que nossos palpites estejam errados e, enquanto esperamos o comercial acabar, mordemos os dedos, passamos a mão no cabelo e dizemos "ai meu Deus". Não dá para assistir Revenge e não ficar viciado. Com essa simples maratona da 1ª temporada e a 2ª temporada que começou semana passada deu para ficar pensando na série todos os dias; às vezes deixávamos acumular os episódios gravados para assisti-los todos de uma vez. Ou, então, ficávamos irritados com as atitudes e descuidos de Emily e Nolan e simplesmente deixávamos de assistir por raiva. rs
A verdade é que eu poderia comparar a história da série como uma mistura de Gossip Girl (afinal, trata-se da nata dos Hamptons) e o filme O Conde de Monte Cristo cujo plot, inclusive, foi a principal inspiração para Revenge. E posso dizer que o filme é incrível, assistam se tiverem a oportunidade!
Eu, no momento, estou obcecada pela série e mal vejo a hora de assistir aos próximos episódios da segunda temporada para ver qual caminho Emily escolherá para continuar com seu plano. Agora que vários mistérios foram resolvidos e novos empecilhos adicionados à lista, só posso continuar torcendo para Emily e Nolan que estão mais fortes e, espero, menos descuidados. Já chega de tropeçar, está na hora de novas cabeças rolarem, hora de voltar à boa forma.
Preciso compartilhar meu favoritismo por dois personagens: Emily e Nolan.


Não só são os principais como também são aqueles que colocam as engrenagens da vingança para correr. E eles podem ter seus tropeços, mas são os únicos que não são idiotas ou irritantes. Só aguardo ansiosamente pelo momento em que Emily chegar à Victoria Grayson que eu acredito ser seu alvo final. Mas digamos que a Victoria já consegue levar foras e se dar mal sem a ajudinha da Emily, imaginem só quando chegar sua vez?!
Indico totalmente, preparem-se para sentirem-se bem tendo a vingança como guia.

Onde?

Terças-feiras, às 22h na Sony; replay dublado, domingos às 15h e às 20h.

Nota:


9 comentários:

Clara Beatriz disse...

Vingança? Achei bem legal, também acho o tema interessante e acho como você disse, que ela tem toda a razão por querer vingança!

alice aguiar disse...

parece bem legal, vou dar uma olhadinha nela

Gabriel Sousa disse...

Como você eu também parei de assistir Revenge por pura preguiça, eu parei no 3° episodio mas eu estava amando, mas tava com pouco tempo então não deu pra acompanhar!
Mas em breve espero assistir *--*

Sayonara Lima Augusto disse...

Adoro série e essa parece bem legal, não tinha ouvido falar ainda, quando cliquei para ver o post não imaginava que a série se tratava sobre vigança, pois a Emily parece tão calma e doce, mas as aparências enganam, né.

Gabriela Brito disse...

Tenho que concordar com a Sayonara, pelo foto parecia mais um drama do que uma estória de vingança, rs

E assim, depois de ler a resenha me veio uma duvida: Quando a você diz que a personagem vai se vingando de quem destruiu a vida dela e a do pai, inclui matar? #medo



Ainda assim, quando tiver oportunidade irei ver a série. As recomendações são muito boas, rs

Cassia Moura disse...

Adoro essa serie é uma das minhas preferidas depois de the vampire diaries...Acho a serie muito boa...


xoxo

Fernanda Faria disse...

Eu já tinha escutado falar dessa série, mas nunca assisti, mas gostei da indicação, vou procurar baixar e assistir, mas tenho certeza que vou gostar.
beijos

Rodrigo Moreira Dias disse...

Eu sou viciado nessa série. Eu amo tudo sobre ela.
E tudo o que você falou é verdade. Não é em todos os episódios que vai cair uma pessoa, se tivesse isso seria muito repetitivo e o jeito que a série é agora tá maravilhoso. Eu estou amando essa temporada, não paro de ver e rever os episódios. E realmente, o Nolan é o melhor.

Fernanda Rodrigues Mendonça disse...

Quando ela foi lançada eu assisti os dois primeiro episodios e...Não curti. Nao q ela nao pareça boa, mas simplesmente nao rolou nenhuma quimica entre eu e ela xD


=**