quarta-feira, 17 de julho de 2013

#Resenha: Faça seu pedido - Mandy Hubbard

Faça seu pedido
Autora: Mandy Hubbard
Editora: Gutenberg
Número de páginas: 296
Sinopse: "Kayla McHenry está tendo o pior aniversário de dezesseis anos da história! E não é só porque ela é diferente. Fica difícil se divertir quando você está apaixonada pelo namorado da sua melhor amiga. Na hora de assoprar as velinhas, Kayla faz um pedido: 'Eu desejo que todos os meus desejos de aniversário se tornem realidade. Porque eles nunca se realizaram'. Na manhã seguinte, ela acorda e vê um Meu Querido Pônei cor-de-rosa pastando em seu jardim. No dia seguinte, depara-se com um carregamento de chicletes de bolinha para um ano inteiro. E, então, um cara meio plastificado chamado Ken aparece e começa a segui-la por toda a cidade, a bordo de um conversível! A cada dia, um novo desejo se torna realidade. Mas… isso PRECISA PARAR. Porque, quando fez quinze anos, Kayla desejou ganhar um beijo de Ben Mackenzie… E Ben, agora, é nada menos que o namorado de sua melhor amiga!"

Compre: Saraiva | Submarino

Este livro foi cortesia da editora Gutenberg.

O que você faria se, ao menos uma vez na vida, seu desejo de aniversário se tornasse realidade? E se, nesse caso, fosse um desejo para que todos os seus outros desejos de aniversário se tornassem realidade? Conseguiria lembrar-se de todos eles? Ainda seria aquilo que você realmente quer?
Quando Kayla vê seu mundo desabar em seu aniversário de dezesseis anos, a festa mais importante para uma garota nos Estados Unidos, ela faz esse pedido desesperado e ele é atendido. Então, dia após dia, um desejo de aniversário se realiza, seja ele um quarto lotado de chicletes de bolinha, um pônei cor-de-rosa ou uma boneca de verdade, mas é o suficiente para virar a vida de Kayla de cabeça para baixo. Afinal, o que diabos está acontecendo?

"Cada aniversário parece pior que o anterior. Quando eu fizer dezessete, provavelmente entrarei numa crise de meia-idade."
(pág. 12)

E o pior de tudo é que ela não tem como compartilhar isso com ninguém, pois sua melhor amiga, Nicole, está cada dia mais estranha e distante e ela precisa evitar Ben a todo custo, já que ele é um dos seus desejos de aniversário e, como eles não se realizam em uma ordem determinada, cada dia é como uma tortura. Presa com esse problema que não para de crescer, Kayla precisa manter a calma (se é que isso sequer é possível) e driblar cada desejo maluco que se concretiza para que ninguém perceba o que realmente está acontecendo. Mas será que ela conseguirá se livrar de seu último desejo, será que ela conseguirá evitar Ben para sempre e negar seus sentimentos por ele?

"Em um dia normal, a gente troca pelo menos setenta e três palavras, o braço dele encosta no meu sete vezes, e o joelho dele entra em contato com o meu ao menos em três ocasiões. Ele olha no meu olho e sorri pelo menos uma vez, um sorriso que me garante em meio segundo que a gente formaria um casal perfeito."
(pág. 23)

A leitura de Faça seu pedido foi leve e divertida, bem o que eu precisava, e extremamente rápida (consegui terminar em um dia). O livro é narrado em primeira pessoa e Kayla é uma personagem com sacadas muito engraçadas, ela é a típica garota que está à margem da hierarquia da escola, não está nem aí para as populares, na verdade, até as enfrenta e solta comentários sarcásticos. Então já sabemos que ela não é nenhuma nojentinha. Esse é o papel da sua melhor amiga: Nicole.
Desde o primeiro capítulo, eu não fui com a cara da Nicole. A forma como a Kayla descreve seu comportamento, já demonstra que a mudança de sua melhor amiga já está começando e tem a ver com o aniversário de três meses de namoro com Ben. No decorrer do livro vamos nos deparando com as mudanças sutis dela e eu fiquei absolutamente irritada com suas atitudes e seu comportamento; ao final, embora ela tenha explicado seus motivos, não conseguiu me convencer, não consegui encontrar razões para que ela tivesse que agir daquela maneira. Para mim, a Kayla deveria era ter se livrado dela e não se sentir nem um pouco culpada em gostar do Ben. Nicole não o merece e não demoramos a perceber.

"Eu nem sei mais quem ela é. Ela está se vestindo de um jeito diferente, está mais extrovertida, rindo e vivendo o melhor momento de sua vida.
Sem mim.
(pág. 185)

Eu gostei muito do Ben, ele não é aquele personagem apagado, tem o seu charme, a autora soube lhe dar características que simplesmente encaixaram-se perfeitamente! Mas apenas lendo é que vocês entenderão o que estou dizendo. Ele não é exibido, não é um típico bad boy, mas também não é um mocinho chato e perfeito, tem a dose certa de destaque. E eu achando que ele seria um mala...
O que mais me conquistou no livro, além de ter sido uma leitura descontraída, foi toda a evolução de Kayla ao longo da realização de seus desejos de aniversário. Foi uma grande experiência, uma viagem para que ela se redescobrisse, voltasse a pensar no que havia deixado para trás, no que ela havia se tornado e se era realmente o que queria para o resto de sua vida. Lembrou-se de quem costumava ser e de como havia mudado, o que a havia levado a deixar tudo, enterrar seu passado de tal forma para que se transformasse naquela Kayla.
Esse exercício, essa reflexão foram incríveis e me fizeram ficar ainda mais apaixonada por Faça seu pedido. Ao final, podemos ver claramente o quanto as coisas mudaram, foi o chacoalhão de que Kayla precisava para voltar a interagir com as pessoas ao seu redor e passar a consertar as rachaduras em sua vida.

"Porque eu também já quis isso. Porém, enterrei essa vontade e me forcei a esquecer quando começou a doer demais só de sonhar com essa possibilidade. Eu desisti de tudo porque parecia mais fácil." 
(pág. 264)

Leitura mais que recomendada; leve, divertida, apaixonante! Não tem erro. Você não vai se entediar com a vida de Kayla e seus desejos malucos de aniversário. Aceita um chiclete de bolinha?

Nota:


4 comentários:

Gabriel disse...

Oi Verônica :)

Nossa esse livro é tudo o que eu preciso, leitura leve, divertida que como você posso terminar em 1 dia, mas no momento estou bem satisfeito com o que estou lendo, beijocas !!

http://euvivolendo.blogspot.com.br/

Nanie disse...

Ai, que delícinha *-* Parece ser uma leitura bem gostosinha \o/


Beijos,
Nanie

alice aguiar disse...

awn eu to doida por esse livro *-*

Gabriel Sousa disse...

Awn Vê, sou apaixonado por essa capa, mas confesso que não tinha lido sequer a sinopse do livro ( hihi ;s)

Acho que esse livro é bem a cara da Gutenberg, fofo e divertido.

Já tá na minha lista hihi. Seria uma tragédias grega se todos os meus desejos se aniversários se realizassem hehe
Abraços,
Gabriel S.