sábado, 31 de agosto de 2013

"I got #News for you..." 97


Autêntica

Lançamento: Manifestações ideológicas do autoritarismo brasileiro

Título: Manifestações ideológicas do autoritarismo brasileiro
Autora: Marilena Chaui
Organizador: André Rocha
Páginas: 296
Editora: Autêntica Editora
Co-edição: Editora Fundação Perseu Abramo
Área temática: Filosofia
Coleções: Escritos de Marilena Chaui
Preço: R$43,00

Mesmo em uma democracia, não é incomum observar, com olhos mais atentos, manifestações ideológicas do autoritarismo no Brasil. Elas estiveram presentes no país, entre outros momentos, na ação integralista dos anos 1930, na luta pela redemocratização cinco décadas depois, no arcaísmo fora de moda dos anos 1990 – e hoje surgem de forma mais sofisticada nas relações de poder, apesar dos quase 30 anos do fim do último regime ditatorial.
Este segundo volume da coleção Escritos de Marilena Chaui chega em hora propícia, logo quando o país se surpreende com inúmeras manifestações massivas, intimamente vinculadas ao evidente autoritarismo da política brasileira. Estão reunidos aqui artigos publicados em livros, revistas e jornais nas décadas de 1970, 1980, 1990 e 2000, que oferecem ao leitor uma consistente análise das diversas manifestações ideológicas do autoritarismo já ocorridas e ainda presentes no país, tendo como pano de fundo o contexto dessas décadas.
O leitor encontrará nestes textos motivações para investigar as origens do autoritarismo brasileiro e criticar as suas manifestações atuais. Observadora atenta das lutas sociais na sociedade de classes desde a década de 1970, Marilena Chaui oferece aqui um instrumental crítico que compreende desde a visão autoritária das elites dominantes até sua atuação na conformação do Estado.
O livro traz, portanto, questões de fundo da ideologia e do autoritarismo nativo, em um rico conjunto de textos de cunho eminentemente político e que reforçam o fortalecimento, ainda necessário, da democracia brasileira.

Sobre a autora

Formou-se em Filosofia pela Universidade de São Paulo (USP), da qual é professora aposentada e onde coordena o Grupo de Pesquisa de Estudos Espinosanos. Dedicou seus estudos à História da Filosofia Moderna e à Filosofia Política, produzindo importantes obras sobre as filosofias de Espinosa e de Merleau-Ponty e sobre as questões da democracia e da crítica da ideologia. Ministrou cursos nas universidades de Paris, Pisa, Bolonha, Córdoba (Argentina), Stanford e Columbia. Foi Secretária Municipal de Cultura de São Paulo (1989-1992) e membro do Conselho Nacional de Educação (2002-2006). Recebeu o prêmio da APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte) pelo livro Cultura e democracia; o prêmio Jabuti por Convite à Filosofia (que já vendeu mais de 60 mil exemplares) e por A nervura do real. Imanência e liberdade em Espinosa, obra pela qual também recebeu o prêmio Sérgio Buarque de Holanda (Biblioteca Nacional). Um de seus livros mais influentes é O que é ideologia? (Brasiliense), que já vendeu mais de 100 mil exemplares.

Lançamento: Contra a servidão voluntária

Título: Contra a servidão voluntária
Autora: Marilena Chaui
Organizador: Homero Santiago
Páginas: 208
Editora: Autêntica Editora
Co-edição: Editora Fundação Perseu Abramo
Área temática: Filosofia
Coleções: Escritos de Marilena Chaui
Preço: R$37,00

A influência e o reconhecimento de Marilena Chaui como uma das mais importantes intelectuais do país estão relacionados não somente aos seus escritos estritamente filosóficos, mas, sobretudo, à sua contribuição para o pensamento social e político brasileiro nas últimas décadas.

A coleção Escritos de Marilena Chaui, criada para facilitar o acesso aos textos publicados em diferentes veículos e oferecer aos leitores volumes que reúnem temas específicos abordados pela filósofa, traz compilações especiais de ensaios, artigos e intervenções – entre já publicados e inéditos, todos revistos pela autora.

Neste primeiro volume, Marilena acompanha a reflexão política do francês Étienne de La Boétie e enfrenta o desafio de compreender a paradoxal experiência humana de uma servidão voluntária, analisando seus meandros e suas implicações. Em oito textos que contemplam três décadas de intensa produção sobre o tema (de 1982 a 2013), Chaui mostra como a servidão voluntária está presente por toda parte: muitos vivem sob o domínio de um que se destaca de seus pares, ergue-se acima da sociedade e a sujeita, comandando-a, enquanto os outros servem, voluntariamente. Fecha o volume uma entrevista especialmente concedida para esta publicação. Nela a autora realiza um balanço da coletânea e de seu encontro com La Boétie.


Lançamento: Horas Italianas

Título: Horas italianas
Título original: Italian Hours
Autor: Henry James
Tradução: Júlio Castañon Guimarães 
Páginas: 192
Editora: Autêntica Editora
Área temática: Turismo | Aventura | Lazer
Preço: R$39,00

Lançada originalmente em 1909 nos Estados Unidos, esta obra apresenta um emocionado e emocionante relato de Henry James, um dos maiores escritores realistas do século XIX, das quatorze viagens que fez à Itália. Nestes ensaios sobre Veneza, Roma, Florença e outras cidades, James mostra as diversas faces da paisagem, da cultura e da sociedade italianas, focando a beleza e a amenidade da vida no país, ainda que suas impressões revelem os problemas que com frequência observava na terra da bota. Seu texto claro, descritivo e carregado de humor, ironias e metáforas estimula a imaginação do leitor: enriquece a memória dos que já foram à Itália e oferece uma deliciosa viagem virtual àqueles que ainda não tiveram a oportunidade de conhecê-la.

Sobre o autor

Nasceu em 1843 na cidade de Nova York, em berço considerado culto. Seu pai, o teólogo e filósofo Henry James Senior, fazia questão de que os filhos recebessem excelente educação. O irmão de Henry, William James, foi um dos precursores da Psicologia moderna. Henry iniciou a vida acadêmica em Harvard, cursando Direito, mas deixou o curso por influência de autores que admirava e em função de sua paixão pela literatura. Tornou-se uma das principais figuras do Realismo na literatura do século XIX, sendo autor de consagrados romances, contos e críticas literárias em língua inglesa.


Lançamento: O Sentido da Vida

Título: O sentido da vida
Título original: Le sens de la vie
Autor: Oscar Brenifier
Tradução: Beatriz de Almeida Magalhães 
Ilustração: Jacques Després 
Páginas: 32
Editora: Autêntica Editora
Editora origem: Editions Natan
Faixa etária: a partir de 10 anos
Área temática: Infantojuvenil/juvenil
Coleções: Filô Ideias
Preço: R$29,00

Não há apenas uma resposta para as grandes questões da vida.
Não há apenas uma maneira de pensar.
Cada um de nós tem de descobrir, buscar, construir a sua…
Doze ideias sobre o sentido da vida são contrapostas a outras doze neste livro. 
Alguns pensam que a vida é sempre igual; outros, que ela é diferente a cada dia.
Alguns acham que a vida é um jogo; outros, que ela é difícil…
E você ?

Sobre o autor

Doutor em Filosofia e educador francês, trabalhou em inúmeros países promovendo ateliês de filosofia para adultos e de prática filosófica para crianças. Publicou, para adolescentes, a coleção L’Apprenti-Philosophe (O Aprendiz de Filósofo), pela Editora Nathan, e o livro Question de logiques! (Questão de lógicas!), pela Seuil Jeunesse. Para crianças, lançou as coleções PhiloZenfants (FilôCrianças), também pela Nathan, traduzida em diversas línguas, e Les Petits Albums de Philosophie (Pequenos Álbuns de Filosofia), pela Autrement, assim como os manuais para educadores Enseigner par le débat (Ensinar pelo debate), pela CRDP, e La pratique de la philosophie à l’école primaire (A prática da filosofia na escola primária), pela Sedrap. É um dos autores do relatório da Unesco sobre a filosofia no mundo: La philosophie, une école de liberté (Filosofia, uma escola de liberdade).


Lançamento: A Questão de Deus

Título: A questão de Deus
Título original: La question de Dieu
Autor: Oscar Brenifier
Tradução: Beatriz de Almeida Magalhães 
Ilustração: Jacques Després 
Páginas: 32
Editora: Autêntica Editora
Editora origem: Editions Natan
Faixa etária: a partir de 10 anos
Área temática: Infantojuvenil/juvenil
Coleções: Filô Ideias
Preço: R$29,00

Não há apenas uma resposta para as grandes questões da vida.
Não há apenas uma maneira de pensar.
Cada um de nós tem de descobrir, buscar, construir a sua…
Doze ideias sobre Deus são contrapostas a outras doze neste livro.
Alguns pensam que Deus existe de verdade, outros acreditam que Deus é apenas uma ideia que serve para nos explicar a origem do mundo.
Alguns pensam que não existe senão um Deus todo-poderoso, outros acreditam que há inúmeros deuses, cada um com sua personalidade…
E você ?


Lançamento: Carta de um menino para a pior avó do mundo

Título: Carta de um menino para a pior avó do mundo
Autora: Neusa Sorrenti
Ilustração: Aline Abreu 
Páginas: 24
Editora: Autêntica Editora
Faixa etária: a partir de 6 anos
Preço: R$29,00

“*Vovó (assim mesmo, sem “querida”)*,

Esta carta que eu estou ditando pro vovô porque estou com pressa, e ele escreve bem rápido, e você leva dois dias pra abrir os e-mails, é pra dizer que você é a pior avó deste mundo.”
O que será que leva um menino a escrever uma carta assim para a avó? Será que ele está desesperado? Será que essa avó fez alguma coisa de que ele não gostou? As respostas estão todas neste livro, que com certeza vai fazer você rir e pensar e se emocionar bastante…


Lançamento: De Volta aos Quinze


Título: De volta aos quinze
Autora: Bruna Vieira
Páginas: 224
Editora: Editora Gutenberg
Área temática: Literatura Brasileira
Preço: R$34,90

O que você faria se pudesse voltar no tempo?
Será que, ao fazer escolhas diferentes, você conseguiria mudar sua vida para melhor?
Anita tem 30 anos, e sua vida é muito diferente do que ela sonhou para si. Um dia, ao reencontrar seu primeiro blog, escrito quando tinha 15 anos, algo inusitado acontece, e tudo ao seu redor se transforma de repente. Com cabeça de adulto e corpo de adolescente, ela se vê novamente vivendo as aventuras de uma das épocas mais intensas da vida de qualquer pessoa: o ensino médio. Ao procurar modificar acontecimentos, ela começa a perceber que as consequências de suas atitudes nem sempre são como ela imagina, o que pode ser bem complicado. Em meio a amores impossíveis, amizades desfeitas e atritos familiares, Anita tentará escrever seu próprio final feliz em uma página misteriosa na internet.

Sobre a autora


Bruna Vieira é blogueira e escritora. Nasceu em 1994, em Leopoldina, interior de Minas Gerais, mas vive em São Paulo desde que decidiu brincar de ser gente grande. Aos 15 anos, criou um blog para superar, com a escrita, uma desilusão amorosa, e a partir disso viu sua vida mudar. Os posts tiveram enorme sucesso, a audiência cresceu e explodiu, e hoje os acessos já passam dos 10 milhões. Seus textos foram parar em seu primeiro livro, o _Depois dos Quinze_, uma reunião de crônicas e contos, publicado pela Editora Gutenberg. Ela também se tornou colunista fixa da revista Capricho, na qual escreve a última página. Além da revista e do blog, seus milhares de leitores e fãs a seguem no Facebook, no Twitter, no Instagram e no YouTube – neste, ela tem um canal em que compartilha suas experiên­cias pelo mundo.


Lançamento: A Ilha dos Dissidentes


Título: A ilha dos dissidentes
Autora: Bárbara Morais
Páginas: 304
Editora: Editora Gutenberg
Área temática: Literatura Brasileira
Preço: R$34,90

Ser levada para uma cidade especial não estava nos planos de Sybil. Tudo o que ela mais queria era sair de Kali, zona paupérrima da guerra entre a União e o Império do Sol, e não precisar entrar para o exército. Mas ela nunca imaginou que pudesse ser um dos anômalos, um grupo especial de pessoas com mutações genéticas que os fazia ter habilidades sobre-humanas inacreditáveis. Como única sobrevivente de um naufrágio, ela agora irá se juntar a uma família adotiva na maior cidade de mutantes do continente e precisará se adaptar a uma nova realidade. E logo aprenderá que ser diferente pode ser ainda mais difícil que viver em um mundo em guerra.

Sobre a autora


Nasceu e mora em Brasília e está se graduando em Economia pela Universidade de Brasília (UnB). É membro da Aiesec, organização internacional voltada ao intercâmbio cultural e desenvolvimento de lideranças entre jovens, e uma leitora voraz. Faz parte do Clube do Livro de Brasília e adora organizar eventos literários. Além de sua vasta experiência em trocar bilhetes em sala de aula, derrubar objetos por acidente e consumir cultura pop, ela escreve em seu blog, o Nem Um Pouco Épico (www.nemumpoucoepico.com) sobre livros, música, filmes e cultura. Já teve contos publicados em coletâneas, e este livro marca sua entrada no mundo da ficção. A história da trilogia Anômalos se formou na sua cabeça depois de uma aula de ciências políticas, e combina dois de seus maiores interesses: conflitos sociais e superpoderes. Para a autora, aliás, sagas distópicas são uma excelente maneira de pensar em temas como esses sem deixar de lado a diversão.


Lançamento: Meu amigo Jesus Cristo


Título: Meu amigo Jesus Cristo
Título original: Mit venskab med Jesus Kristus
Autor: Lars Husum
Tradução: Rogério Bettoni
Páginas: 288
Editora: Editora Gutenberg
Área temática: jovem-adulto/adulto
Preço: R$35,90

Nikolaj tem apenas 13 anos quando perde os pais em um acidente de carro na Dinamarca, ficando aos cuidados de sua irmã, Sis, sete anos mais velha. Com o tempo, o pesado fardo de tomar conta do irmão problemático fica insuportável, mas ele, mesmo já adulto, não consegue suportar a ideia de perder a proteção da irmã. E vai a extremos para chamar sua atenção, colocando em perigo a própria vida e a de quem está à sua volta.
Filhos da maior estrela de rock do país, amada por milhares de fãs, eles recebem uma grande herança, que os deixa ricos. Mas o dinheiro nunca compensará a enorme dor da perda. Um dia, abalado, chega em casa e encontra um desconhecido sentado no sofá. É um motociclista corpulento e barbudo, que parece imune às ameaças de Nikolaj. Diz se chamar Jesus Cristo e o aconselha a limpar seu passado e a ajudar algumas pessoas para que tenha uma vida melhor. Curiosamente, mesmo sem saber quem é aquele estranho, no auge do desespero o jovem acaba aceitando sua ajuda e suas orientações incomuns. E as consequências são surpreendentes…

Uma inusitada tragicomédia sobre confiança e amizade, e sobre como as ações individuais ditam a vida de quem nos cerca. Arrebatador.
Financial Times

Um livro de estreia engraçado, destemido, absurdo, caótico, mas que é, por mais estranho que pareça, uma afirmação da vida. Uma obra surpreendente.
The Guardian

Husum explora uma ideia, já fora de moda, de aceitar o que outra pessoa quer que você faça. E mostra como isso, em uma época de individualismo, talvez seja a melhor coisa que alguém possa fazer.
Herald Tribune

Uma história frenética, num clima para lá de bizarro e repleta de humor negro.
Big Issue

Uma narrativa efervescente, de estilo despojado, e centrada em personagens que são às vezes chocantes e muitas vezes sinistros, mas de um jeito bem engraçado.
List

Sobre o autor

O dinamarquês nasceu em 1974 em Tarm, na Jutlândia. Escritor e dramaturgo, criou diversos textos, roteiros e outros conteúdos para teatro, cinema e televisão. De 2004 a 2009, trabalhou com Lars von Trier, na Workz, uma subsidiária da produtora de filmes Zentropa Entertainments, do famoso diretor de cinema. Em 2005, escreveu Espero, a primeira comédia feita em esperanto, como parte de um projeto
do Instituto de Arte Contemporânea de Copenhague.
Em 2008, publicou na Dinamarca Meu amigo Jesus Cristo, seu romance de estreia, com estrondoso sucesso. A partir de então, o livro tem sido traduzido e publicado em vários países, entre eles Holanda, Reino Unido, França, Itália, Noruega, Suécia, Lituânia, Índia e, agora, o Brasil. Com ótimas críticas, foi nomeado para o International IMPAC Dublin Literary Award, em 2012. Além disso, teve seus direitos de filmagem vendidos para a Films Nimbus, produtora dinamarquesa de cinema, que, juntamente com a Zentropa, lançou o movimento Dogma, de filmes diferenciados.

Lars Husum tem um programa semanal na rádio dinamarquesa P1, é excampeão de judô e vocalista da banda de eletropunk Phase 3. Atualmente, mora em Copenhague, onde se dedica a escrever em tempo integral.


Lançamento: Amigas Imperfeitas


Título: Amigas imperfeitas - Inseparáveis na alegria, unidas na tristeza e cúmplices na busca de um grande
amor
Autora: Leila Rego
Páginas: 392
Editora: Editora Gutenberg
Área temática: Ficção, Literatura Brasileira
Edição: 2
Preço: R$39,80

Juntas no amor, na dor e no rock’ n’ roll

Nina, Pâmela e Manuela são jovens adultas que chegam aos 30 anos de idade mantendo uma amizade desde os tempos de escola. Amigas inseparáveis, continuam curtindo as músicas da Legião Urbana – a trilha sonora de suas vidas – e, apesar de terem tomado rumos muito diferentes, elas conseguem se encontrar todas as quintas-feiras para a Noite do Batom, quando colocam o papo em dia, apoiam-se, dão risadas, trocam confidências e, é claro, falam mal dos desafetos, já que ninguém é de ferro.
Pâmela, já casada, é muito bem-sucedida profissionalmente, não tem problemas financeiros e parece ter a vida perfeita. Mas só parece. Manuela é separada. Casou-se um dia para esquecer o grande amor da sua vida e não foi feliz, e hoje parece não ligar mais para as questões do coração. Mas só parece. Nina é a solteira que tem uma atração irresistível por cafajestes, que sempre a fazem sofrer. Implora para que Santo Antônio a ajude a ser feliz no amor, o que parece impossível. Mas só parece.
Em uma Noite do Batom incomum, Manu inventa a OFI (Operação Faxina Interna) para ajudar Nina a superar mais um relacionamento frustrado. Junto de mais dois amigos, partem para uma divertida viagem que mudará para sempre a vida de todos. Com reviravoltas, aventuras e desventuras, será impossível você não se identificar com essas amigas, que, como todos nós, são imperfeitas em seus defeitos e problemas, mas perfeitas demais para não querermos repartir com elas as dores, as alegrias, os sonhos e a realidade de uma vida inteira.

Sobre a autora

Nasceu em junho de 1974 em Cafelândia, no Paraná. Quando tinha 4 anos de idade, sua família mudou-se para Alta Floresta, no Mato Grosso, onde não havia nem sequer energia elétrica. Sem televisão, “no meio do nada”, sua infância foi repleta de histórias, livros e brincadeiras com os dois irmãos mais velhos. O desejo de viajar e de conhecer outras culturas foi determinante para que, anos mais tarde, ela optasse pela faculdade de Turismo, que cursou em Foz do Iguaçu, no Paraná. Logo no início dos anos 2000, mudou-se para São Paulo, e inúmeras oportunidades profissionais abriram-se para ela em empresas privadas, onde trabalhou por diversos anos na área de recursos humanos. Seu incontestável talento para a escrita reencontrou as inúmeras histórias que povoavam desde sempre sua imaginação e, em 2009, ela publicou seu primeiro livro de forma independente, o que deu início à sua carreira de escritora. Atualmente, Leila Rego mora em Vinhedo, no interior de São Paulo, com o marido e os dois filhos, e continua dando vida a seus personagens e aventuras deliciosas que adoramos ler.


Lançamento: Peter Pan - Vol. 2


Título: Peter Pan - Volume 2
Título original: Tempête, Mais Rouges
Autor: Régis Loisel
Tradução: Fernando Scheibe
Páginas: 120
Editora: Editora Nemo
Editora origem: Glénat
Preço: R$69,00

A extraordinária recriação da aventura de Peter Pan, traduzida para o universo adulto por Régis Loisel, continua neste segundo volume pela editora Nemo. Após enfrentar seus primeiros desafios na Terra do Nunca, o irreverente Peter ajudará o fauno Pan e seus amigos do povo imaginário num plano para enganar o Capitão dos piratas. Mas as coisas não saem como planejado e nosso pequeno herói terá de lidar com as terríveis consequências e a responsabilidade de ser um chefe. Uma aventura bela e imperdível, sobre imaginação e crueldade, amizade e coragem.

Sobre o autor

Régis Loisel mudou-se para Paris em 1972, o lugar onde tudo começou. Durante os anos seguintes, ele conhece Patrick Cothias e Serge Le Tendre, passa o tempo no teraço dos cafés, vive uma vida de boemia. Os projetos chegam com força, com sucesso, com fracasso, não importa.
Em 1983, A Busca do Pássaro do Tempo (com roteiro de Le Tendre) torna-se a virada em sua carreira. Tanto do ponto de vista pessoal, quanto criativo, ele parece ter se encontrado. Aquela série é hoje considerada “a” referência do gênero, muitas vezes imitada, mas até agora jamais igualada; nenhum autor de fantasia heroica conseguiu escapar à influência desse original. A Busca do Pássaro do Tempo poderia ter sido a obra da maturidade, mas acreditar nisso é desconhecer Régis Loisel.
Em 1989, ele começa a se soltar de todas as restrições técnicas e ilustra textos eróticos. Seus desenhos irradiam uma energia de tirar o fôlego, uma terrível sensualidade, seu traço se aproxima do expressionismo de Doré, Rhops ou Rackham. Ao mesmo tempo, ele deixa Paris para se estabelecer em Lannion, na Bretanha. Chegava a hora de realizar a sua interpretação do mito de Peter Pan!

Desde o primeiro álbum da série Peter Pan, ele se posiciona de maneira definitiva como um autor essencial, verdadeira figura de proa de um novo estilo “baseado em sentimentos e emoções”. O sucesso é enorme…


Lançamento: Fantasmagoriana & Outros Contos Sombrios


Título: Fantasmagoriana & Outros Contos Sombrios
Autor: Wellington Srbek
Ilustração: Flavio Colin
Páginas: 48
Editora: Editora Nemo
Preço: R$28,00

Após criarem o já clássico Estórias Gerais, o desenhista Flavio Colin produziu para o roteirista Wellington Srbek três outras HQs. Publicadas em revistas independentes, entre 2000 e 2002, “A Companhia das Sombras”, “Admirável Novo Mundo” e “Uma noite no fim do mundo” ganham agora sua primeira edição conjunta. A terceira delas, lançada na revista Fantasmagoriana, renderia a Srbek os troféus HQ MIX de “Melhor Graphic Novel Nacional” e Angelo Agostini de “Melhor Roteirista”. Tendo como tema o terror, esta coletânea de contos sombrios traz o traço de Colin em toda sua expressividade, incluindo a última HQ desenhada por ele.

Sobre o autor


Nasceu em Belo Horizonte em 1974. É formado em História, mestre e doutor em Educação pela UFMG. Pesquisador e professor de quadrinhos, ele já recebeu os principais prêmios nacionais como roteirista e editor de HQs. Entre seus trabalhos mais conhecidos estão o álbum Estórias Gerais e a série Solar.


Lançamento: Rei Lear


Título: Rei Lear
Autores: Jozz (roteiro), William Shakespeare
Ilustração: Octavio Cariello
Páginas: 64
Editora: Editora Nemo
Preço: R$39,00

A história do Rei Lear, que dividiu seu reino e enlouqueceu ao ver a ganância de suas herdeiras, é traduzida para os quadrinhos num álbum que preserva toda a dramaticidade da peça de William Shakespeare. Pintada em arte digital, a história ganha vida de quadro a quadro, envolvendo os leitores nas intrigas, dramas e paixões desta grande obra shakespeariana.

Sobre os autores

Jozz (roteiro)

Jorge Otávio Zugliani (Jozz) nasceu em Jaú em 1983. Cursou Design Gráfico no Mackenzie e cursa pós-graduação em Design Editorial no SENAC. Estudou na Quanta Academia de Artes e trabalha com ilustração, quadrinhos e design editorial. Ganhou o Troféu HQ MIX na categoria Desenhista Revelação em 2008. É autor de O Circo de Lucca e Menthalos.

William Shakespeare


Nascido na cidade inglesa de Stratford-upon-Avon em 1564, é considerado um dos maiores escritores de todos os tempos. Autor de tragédias, comédias, peças históricas e poemas, suas obras reúnem temas clássicos e populares. Seu texto inigualável é marcado por personagens célebres e por reflexões sobre a existência humana. Um autor de talento único, as peças shakesperianas atravessam os séculos, permanecendo tão relevantes e significativas quanto na época em que foram escritas.


Lançamento: Os Companheiros do Crepúsculo


Título: Os Companheiros do Crepúsculo
Título original: Les Compagnons du Crépuscule
Autor: François Bourgeon
Tradução: Fernando Scheibe
Páginas: 240
Editora: Editora Nemo
Editora origem: 12 bis
Preço: R$94,00

Considerado um dos melhores álbuns de quadrinhos já produzidos, Os Companheiros do Crepúsculo se passa na Idade Média durante a Guerra dos Cem Anos. A história é centrada nos personagens do Cavaleiro, Mariotte e Anicet, em sua busca por redenção ou pela simples sobrevivência. Misturando fantasia e lutas sangrentas, cenas cotidianas e um tom de erotismo, um dos destaques desta obra-prima das HQs é o belo e detalhado traço do autor, que transporta os leitores para os cenários e o clima da época. Imperdível para quem gosta de grandes histórias e para os amantes da arte dos quadrinhos!

Sobre o autor


Um dos grandes nomes dos quadrinhos internacionais, François Bourgeon é conhecido por suas longas sagas de temas históricos, traço detalhado e fortes personagens femininas. Tendo se tornado mundialmente conhecido com a série Os Passageiros do Vento, sua obra-prima viria em seguida: Os Companheiros do Crepúsculo), uma primorosa HQ medieval, lançada em volumes entre 1984 e 1992, reunida numa edição conjunta em 2010. Entre outros trabalhos também produziu a HQ de aventura espacial O Ciclo de Cyann.


Lançamento: Os sete crimes de Roma


Título: Os sete crimes de Roma
Título original: Les sept crimes de Rome
Autor: Guillaume Prévost
Tradução: Fernando Scheibe
Páginas: 256
Editora: Editora Vertigo
Editora origem: NIL éditions
Preço: R$34,90

Roma, 1514. Leonardo da Vinci conduz a investigação…

Roma, dezembro de 1514. A poucos dias do Natal, o corpo decapitado de um jovem é descoberto em cima da estátua do imperador Marco Aurélio. Uma inscrição feita com sangue assina o crime: “Eum qui peccat… “ (“Aquele que peca…”). Pouco tempo depois, é a vez de um velho ser encontrado, morto e nu, pendurado numa escada no Fórum. A Coluna de Trajano revela seu fúnebre segredo e o restante da inscrição: “…Deus castigat “ (”…Deus castiga”). A sangrenta encenação está apenas começando…
Instalado há pouco no Vaticano, ocupado com seus trabalhos de anatomia, pintura e ótica, Leonardo da Vinci se apaixona pelo caso. Como interpretar os lúgubres detalhes que cercam os crimes? O papa e a cristandade estariam sendo desafiados? Com a ajuda de Guido, um jovem estudante de Medicina, o pintor tenta desmascarar um assassino que demonstra tanto inteligência em desorientar as investigações quanto crueldade em executar suas vítimas.
Um romance policial diabólico que, dos mistérios da biblioteca do Vaticano aos segredos das ruínas antigas, nos arrebata num jogo de pistas eletrizante, erudito e macabro.

Sobre o autor


Guillaume Prévost nasceu em Madagascar, em 1964. Professor de História, é hoje um dos mais importantes escritores franceses do gênero policial histórico. Os sete crimes de Roma, publicado em 2000, é seu primeiro romance.


Lançamento: Sete dias em River Falls


Título: Sete dias em River Falls
Título original: Sept jours à River Falls
Autor: Alexis Aubenque
Tradução: Fernando Scheibe
Páginas: 352
Editora: Editora Vertigo
Editora origem: calmann-lévy
Preço: R$37,90

Algumas garotas escondem terríveis segredos…

Sarah Kent é uma estudante brilhante e leva uma vida tranquila em meio à elite da universidade de River Falls, uma cidadezinha perto das Rochosas, no estado norte-americano de Washington. Mas tudo muda numa manhã de primavera: Amy Paich e Lucy Barton, as duas melhores amigas de Sarah em sua cidade natal, são encontradas no fundo de um lago, terrivelmente mutiladas. As duas não falavam mais com Sarah, mas tinham mandado um estranho convite para a amiga dois dias antes dessa tragédia.

A vida de Sarah se transforma num pesadelo. Seria ela a próxima vítima do assassino? A garota parece esconder um terrível segredo, como se um laço misterioso ainda a ligasse a Amy e Lucy… Mistérios que o xerife Mike Logan tentará resolver, com a ajuda de Jessica Hurley, sua ex-namorada e famosa profiler do FBI. Eles pensam estar na pista certa, mas seu adversário é perverso e os manipula com facilidade…

Sobre o autor


Alexis Aubenque, livreiro durante muitos anos, apaixonado por literatura fantástica e policial, estreou no gênero thriller em 2008, com este Sete dias em River Falls, o primeiro de uma trilogia.


Lançamento: Meu primeiro assassinato


Título: Meu primeiro assassinato
Título original: Ensimmäinen murhani
Autora: Leena Lehtolainen
Tradução: Salma Saad
Páginas: 224
Editora: Editora Vertigo
Editora origem: Tammi Publishers
Preço: R$29,90

Uma estreia de tirar o fôlego para Maria Kallio…

Depois de alguns anos na polícia federal, onde a rotina de autuações e interrogatórios de pequenos delinquentes a entedia, Maria Kallio retoma seus estudos na faculdade de Direito. Mas sente falta da ação e acaba aceitando substituir um colega no departamento policial de Helsinque.
Assim começa sua primeira investigação criminal: um jovem, que passava um fim de semana na casa de seus pais em companhia de sete outros membros de um coral, é encontrado morto, afogado.
O culpado só pode ser alguém do grupo. Mas quem? Maria interroga um a um. Sua tarefa é árdua: ela conheceu a vítima e alguns dos suspeitos quando era estudante. E tem a mesma idade deles, o que não a torna muito convincente como inspetora neste caso. Além disso, todos tinham boas razões para detestar a vítima: um jovem rico, talentoso, bem-sucedido e conquistador…

Sobre a autora


Autora de uma quinzena de romances, Leena Lehtolainen ficou conhecida na Finlândia pela criação da personagem Maria Kallio, heroína de oito de seus livros. Ganhadora de vários prêmios literários, Leena Lehtolainen é hoje traduzida em mais de vinte línguas.


Fundamento

Lançamento: Rangers - Ordem dos Arqueiros 11 - As Histórias Perdidas


Aclamada pela crítica do mundo todo.
Da lista dos livros mais vendidos do New York Times.
Publicada em mais de 14 países.
Rangers - Ordem dos Arqueiros, a série: uma leitura imperdível e emocionante do começo ao fim.
Entre batalhas ferozes, amizades inquestionáveis, certezas e dúvidas, acompanhamos a ascensão de Will entre os lendários arqueiros de Araluen. Mas nem todas as histórias foram contadas. Por enquanto!
A pedido dos leitores, John Flanagan nos presenteia com Histórias Perdidas, aventuras inéditas que levam a um mergulho ainda mais profundo na rica mitologia de Rangers. E que também trazem algumas revelações tão fascinantes quanto bombásticas.
Uma chance imperdível de saber mais sobre o passado e ter um vislumbre do futuro de alguns dos personagens mais queridos de Rangers: Halt, Alyss, Horace, Evanlyn e Gilan.
Se você acha que sabe tudo sobre a origem de Will, é melhor repensar...


Lançamento: Querido Diário Otário - Ano 2


Querido Diário Otário - Ano 2: Ninguém é perfeito. Mas eu estou quase lá.

Eu sou muito gentil, então cale a boca.

A vida é muito complicada e cheia de afazeres e responsabilidades para qualquer adolescente. Menos para Jamie Kelly – que nunca fez nenhuma atividade extracurricular (e nem faz questão). O problema é que, para ter o futuro perfeito que deseja, ela vai ter que mudar e ir atrás de coisas novas. E mais: ela ainda vai ter que provar para Isabella que não é A MAIS BURRA das amigas. Para isso, vai ser necessária muita ciência e uma investigação supersecreta para desvendar o maior mistério do Colégio Mackerel:
Por que é que continuam servindo a porcaria do bolo de carne toda quinta-feira???
Divirta-se com este novo Diário Otário, mas cuidado! Não deixe a Jamie saber que você está lendo, senão...

FAÇA O QUE FIZER, NÃO LEIA OS OUTROS DIÁRIOS DA JAMIE!


Book Trailer: A 5ª Onda




E vocês, o que mais estão aguardando? Eu adorei esse novo selo do grupo Autêntica, Vertigo, que vai lançar obras policiais. Muito bacana! Vontade de ler todos os três!
Não deixem de comentar ;)


5 comentários:

Michelli Santos Prado disse...

A editora está com lançamentos bem interessantes, mas o que eu mais gostaria de ler é o De volta aos quinze. Achei capa e sinopse muito fofas.
Beijinhos

ELIZABETH MACHADO DE SALLES disse...

Não conhecia a maioria dos livros. que bom que você nos apresentou eles. Assim posso conhecer essas obras e escolher qual vou querer ler. Beijos.

Vanilda Procopio disse...

Quantos lançamentos, hein? Já tinha ouvido falar de alguns e achei bacana que tem muitos para o público infanto juvenil e também para os adultos. Na verdade, é para todos os gostos. Basta escolher, o que é bem difícil.

Gladys Sena disse...

Lançamentos para todos os gostos!

Gostei da capa de "O sentido da vida".

Adriana disse...

Ótimos lançamento, e os que me chamaram a atenção foram: Meu primeiro assassinato, Sete dias em River Falls, Os sete crimes de Roma e Amigas imperfeitas, mas vi que tem varios lançamentos pro publico mais jovem, gostei muito mesmo!