sexta-feira, 20 de setembro de 2013

#Indicação - Filme: John Carter - Entre Dois Mundos


John Carter: Entre Dois Mundos (John Carter) - 2012

O herói John Carter é um veterano confederado da Guerra Civil Americana, que se esconde em uma caverna depois de ser perseguido por índios apaches e de lutar com um Thern, acorda misteriosamente em Marte, chamado pelos seus habitantes de Barsoom. Como a gravidade do planeta é apenas 38% da terrestre, Jonh Carter é mais forte e ágil que os habitantes de Marte. Anteriormente, um mundo parecido com a Terra, tornou-se mais hostil à vida, devido à sua idade avançada: seus oceanos evaporaram e a atmosfera tornou-se rarefeita. O planeta moribundo transformou-se em um mundo seco e de barbárie, com seus habitantes endurecidos e belicosos, lutando entre si pela sobrevivência. Enquanto prisioneiro da horda dos Tharks, uma raça de guerreiros verdes, com quatro braços, três metros de altura e presas, Carter conhece e salva a princesa de Marte, Dejah Thoris de uma raça humanoide de pele avermelhada. A princesa convence John Carter a lutar, com a ajuda dos Tharks, para evitar uma guerra civil que pode levar o planeta à completa extinção.

Compre: Saraiva | Submarino

Mais um daqueles filmes em que, inicialmente, não vou muito com a cara, mas, uma vez que assisto inteiro e com calma, torna-se uma boa opção, isso quando não entra diretamente para os favoritos.
John Carter: Entre Dois Mundos é um filme com uma história tão diferente que logo nos chama a atenção. Grande parte de seu enredo se passa, veja só, em Marte! Um planeta bem diferente do que temos ciência, com direito a civilizações, atmosfera e até uma gravidade levemente diferente da nossa. Ainda assim, parece um planeta tão estável quanto a Terra, mas que, nesse momento, já teve seus dias de glória.
John Carter é um capitão rebelado do Sul que está sozinho e não tem muito a perder quando é capturado e preso. Não por muito tempo. Em sua fuga, ele vai parar em uma caverna e, sem querer, atira em um homem que, como últimas palavras, sussurra uma frase em língua estranha e, a próxima coisa que Carter vê é um local completamente deserto e a única diferença é que não consegue caminhar sobre aquelas terras, apenas dar saltos altamente bizarros.
Em sua busca para descobrir onde está, ele esbarra com estranhas criaturas verdes, com quatro braços, dois chifres no rosto, ao lado da boca, e que falam em uma língua completamente alienígena. Onde será que John Carter havia ido parar?
Seus primeiros momentos em Marte são bem engraçados, até que ele descubra como manejar seus saltos e a primeira interação entre ele e os Tharks lhe garantem o apelido de "Virginia", que é de onde ele vem na Terra. Levado prisioneiro, ele rapidamente se adapta ao novo território, mas as descobertas não param, principalmente quando um cachorro pra lá de esquisito resolve acompanhá-lo aonde quer que ele vá, munido de uma super velocidade que não condiz com seu tamanho desengonçado.
Até que o conhecimento da princesa Dejah Thoris possa localizá-lo finalmente, John lentamente compreende como o planeta foi, aos poucos, deteriorando-se e qual é o papel de cada sociedade que ele encontra. Como homem correto e, até certo ponto cético, ele decide ajudar no que for capaz e, por isso, sai em viagem para evitar que uma guerra acabe de vez com o planeta.
Com ação, humor, efeitos especiais e uma dose de romance, John Carter é um filme divertido para todas as horas. Eu me divirto demais com sua estranheza para com Marte e sua civilização. O cachorro, devo dizer, é um show à parte, tem um enorme cabeção, no mínimo seis patas e língua azul. Uma figura, mas muito leal e, até certo ponto, fofo. Os Tharks, apesar de um pouco violentos, mostram-se interessantes aliados e, de longe, o povo mais estranho com o qual Carter cruza no planeta vermelho.
Posso dizer que o filme foi uma agradável surpresa e que seu desenrolar pode surpreendê-los, afinal, é uma história alienígena, um novo mundo. Muita aventura e novos conhecimentos o aguardam junto a John Carter; da Terra ou de Marte, vocês só saberão depois!

Nota:


5 comentários:

Jéssica Antunes disse...

Interessante,mas não é meu estilo de filme favorito

Nara Brasil do Amaral disse...

Nunca tinha ouvido falar desse filme, mas me pareceu bem interessante para se assistir em uma tarde. Comédia, romance, ação, aventura e alienígenas me parece uma mistura bastante inusitada, ainda mais quando nem se passa na Terra e por isso mesmo me parece ser um ótimo filme, procurando o trailer no youtube :D ...

Adriana disse...

Filmes de aventura são sempre bem vindos ainda mais com uma pitada de humor e romance né, me entusiasmei em ver ainda mais quando voce diz que o cão (eu sou apaixonada por eles) é um show a parte! Com certeza esse filme será diversão garantida pra mim e meus filhotes! :)

Michelli Santos Prado disse...

Amo este gênero de filme!! E nunca tinha visto nada sobre ele. Mas já anotei a dica!!
Bjuss

Ketlen Patricio disse...

Ainda não vi esse filme mas com essa super dica verei ele em breve.
bjo